Siga o OTD

Laís Nunes de Oliveira

Laís Nunes – wrestling feminino – categoria até 62kg – Olimpíada de Tóquio 2020

Ficha TécnicaMedalhas
Nascimento:. Barro Alto/GO
Idade: 28 anos (3/11/1992)
Altura: 1,65m
Peso: 65kg
Pan: 1 (Lima-2019)
Olimpíada: 1 (Rio-2016)

PAN
– Lima-2019

Laís Nunes de Oliveira é uma atleta do wrestling – modalidade que também é conhecida como luta olímpica – que representará o Brasil nos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020. na categoria até 62kg.

+ Rivais, chances de Laís, favoritos e mais: Saiba TUDO sobre a categoria até 62kg em Tóquio 2020

Na capital japonesa, terá a companhia de Aline Silva, que competirá na categoria até 76kg e Eduardo Soghomonyan, único homem brasileiro no wrestling que lutará na categoria até 130kg da luta greco-romana .

Goiana boa de luta

Goiana de Barro Alto, Laís Nunes iniciou sua carreira em sua cidade natal. Ela traz em seu histórico um começo no judô, com 12 anos, quando entrou em um projeto social esportivo que, em seguida, passou a oferecer aulas de luta olímpica por causa dos custos altos.

+ Confira TUDO sobre TODAS as categorias do wrestling na Olimpíada de Tóquio 2020

Mesmo sem entender muito sobre o esporte, se apaixonou pela modalidade e logo se destacou. Durante um tempo, Laís teve que deixar a luta para trabalhar e ajudar na renda da casa. Quando voltou a treinar, disputou um campeonato no Rio de Janeiro e sagrou-se campeã. A conquista fez com que acreditasse que poderia ir mais longe.

+ SIGA O OTD NO YOUTUBE, NO INSTAGRAM, NO FACEBOOK E NO TIKTOK 

Laís foi convidada a participar de um projeto de Alto Rendimento da luta em Brasília e ao fim do convênio, foi contratada pelo SESI- SP, quando tinha apenas 15 anos de idade. Passou a treinar com o cubano Alejo Morales e foi campeã pan-americana júnior na categoria até 59kg.

Decolando graças ao Wolverine

Em 2012, acabou conhecendo o lutador de MMA de São José dos Campos Hugo Viana, conhecido como Wolverine, e acabou se apaixonando. Mudou-se com ele para a cidade do Vale do Paraíba e passou a crescer ainda mais no esporte treinando ao lado do parceiro. No mesmo ano, Laís participou do projeto “Vivência Olímpica” organizado pelo COB, que levou promessas do esporte para verem como funcionava a Olimpíada de Londres-2012.

+ Confira TUDO sobre TODAS as provas de TODAS as modalidades dos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020

A experiência deu resultados. Quatro anos mais tarde, se tornou a mais jovem atleta a defender o Brasil na Luta Olímpica em uma edição de Jogos Olímpicos com apenas 23 anos. Na Rio-2016, acabou eliminada na primeira fase.

Laís é primeira atleta brasileira a conseguir medalha de ouro pan-americana nas três categorias etárias internacionais, Cadete (até 17 anos), Júnior (até 20 anos) e sênior (acima de 20). 

Mais madura, viveu um bom ciclo olímpico, especialmente em 2019. Em julho, após excelentes resultados, Laís assumiu a segunda colocação do ranking mundial. Pouco tempo depois, nos Jogos Pan-Americanos de Lima, no Peru, faturou a medalha de bronze.

Em março de 2020, pouco antes da pandemia do coronavírus atingir o mundo do esporte, Laís Nunes conseguiu assegurar a sua participação nos Jogos Olímpicos de Tóquio-2020 ao lado de Aline Silva.

Laís Nunes wrestling luta olímpica até 62kg Jogos Olímpicos de Tóquio 2020
Laís Nunes, medalhista no Pan de Lima na categoria até 62kg (Abelardo Mendes Jr/ rededoesporte.gov.br)

Em 2021

A primeira competição de Aline Silva no ano olímpico ocorreu no Aberto da Ucrânia. A lutadora terminou eliminada nas quartas de final da categoria até 62kg.

Pouco depois, no Troféu Matteo Pellicone, Lais Nunes obteve excelente resultado e terminou a competição com a medalha de bronze. De quebra, subiu 11 posições no ranking mundial e alcançou o terceiro lugar na categoria até 62 kg.

Em abril, o melhor resultado do ano. No Torneio Internacional Dan Kolov-Nikola Petrovd de wrestling, em Plovdiv, Bulgária. a goiana foi campeã na categoria até 62kg vencendo as quatro lutas que fez.

A atleta subiu novamente no pódio um mês depois, no Campeonato Pan-americano de Wrestling 2021, disputado na Cidade da Guatemala, capital da Guatemala. Laís levou a medalha de prata.

O último teste antes dos jogos Olímpicos foi o Aberto da Polônia. Laís Nunes, no entanto, acabou derrotada nas quartas de finais e não avançou às finais do torneio.

RESULTADOS

DataProvaHorário/ResultadoLigaTemporada
Feminino 62 kg x Laís Nunes (BRA)Mundial de Wrestling2021
62 kg estilo livre feminino – Oitavas e Quartas de final x Laís Nunes (BRA)Jogos Olímpicos - Wrestling2020
Estilo livre feminino – 62 kg x Laís Nunes (BRA)Aberto da Polônia de wrestling2021
Estilo Livre Feminino – 62kg x Laís Nunes (BRA)Pan-Americano de Wrestling2021
Finais – 62 kg - Laís NunesTorneio Dan Kolov-Nikola Petrov de Wrestling2021
Round 2 - 62 kg - Alina Antipova (LET) x Laís Nunes (BRA)Torneio Dan Kolov-Nikola Petrov de Wrestling2021
Disputa da medalha de bronze - 62 kg - Lais NunesTorneio Matteo Pellicone de wrestling2021
62 kg - Lais Nunes (BRA)Torneio Matteo Pellicone de wrestling2021
62kg - Quartas de final - Yulia Tkach (UCR) x Laís Nunes (BRA)Torneio Internacional da Ucrânia de wrestling2021
62 kg - Oitavas de final - Lais Nunes (BRA) x Michelle Fazzari (CAN)Torneio Internacional da Ucrânia de wrestling2021
62 kg – Qualificatória - Kriszta-Tuende Incze (ROM) x Lais Nunes (BRA)Torneio Internacional da Ucrânia de wrestling2021
Wrestling Feminino até 62kg x Lais Nunes (BRA)Seletiva olímpica de Wrestling2020
Wrestling Feminino até 62kg x Lais Nunes (BRA)Pan-Americano de Wrestling2020
Feminino – 62kg x Laís Nunes (BRA)Torneio Matteo Pellicone de wrestling2020
62kg - primeira rodada - Kayla Miracle (EUA) x Laís Nunes (BRA)Mundial de Wrestling2019
62kg feminino – Disputa do bronze x Laís NunesTorneio Yasar Dogu de wrestling2019
62kg feminino - Semifinal x Laís Nunes (BRA)Torneio Yasar Dogu de wrestling2019
62kg feminino – Laís Nunes (BRA)Torneio Yasar Dogu de wrestling2019
Feminino – 62kg x Laís Nunes (BRA)Torneio Internacional de Sassari de Wrestling2019