Siga o OTD

Kumite 68kg feminino

Jogos Pan-Americanos – Lima 2019 – Caratê – Kumite 68kg feminino

Chances do Brasil

Gabrielle Sepe obteve a classificação para o Pan e será a representante do Brasil na categoria. A vaga foi confirmada através do desempenho nos Jogos Sul-Americanos de Cochabamba 2018, quando a brasileira terminou com a medalha de bronze na competição.

Aos 22 anos de idade, Gabrielle Sepe é um dos grandes destaque do país no caratê, sendo também medalhista do Campeonato Brasileiro da modalidade (prata e bronze). A expectativa é que a atleta tenha bom avanço nos Jogos Pan-Americanos de Lima.

Local da competição

Polideportivo Villa El Salvador

Local: Lima

Capacidade: 6.100 torcedores

Nossos pódios

Ao centro, Natália Brozulatto estampa o ouro em Toronto 2015

A categoria até 68kg está no cronograma de competições dos Jogos Pan-Americanos desde a edição de Guadalajara 2011. O Brasil domina a disputa com dois títulos conquistados consecutivamente. O primeiro veio com Lucelia Ribeiro, que não se intimidou em encarar a dona da casa Yadira Lira em terras mexicanas e faturou o ouro.

Quatro anos mais tarde, em Toronto 2015, foi a vez de Natália Brozulatto reinar no Canadá. Depois de avançar com duas vitórias e um empate na fase inicial, passou pela venezuelana Omaira Molina por 3-1 nas semifinais. Já na grande final do torneio, derrotou Xhunashi Caballero, do México, por 2-0 e assegurou o título no Pan.

Medalhistas

ANO Medalha de ouro Medalha de prata Medalha de bronze
2011 Lucelia Ribeiro
Brasil
Yadira Lira
 México
Yoly Guillen
Venezuela
Yoandra Moreno
Cuba
2015 Natália Brozulatto
Brasil
Xhunashi Caballero
 México
Priscilla Lazo Nieto
Equador
Omaira Molina
Venezuela

Quadro de medalhas

Posição País  Medalha de ouro  Medalha de prata  Medalha de bronze Total
1  Brasil 2 0 0 2
 México 0 2 0 2
3  Venezuela 0 0 2 2
4  Cuba 0 0 1 1
 Equador 0 0 1 1

O esporte

Foto: Geraldo de Paula

O objetivo do caratê é derrotar o adversário utilizando socos e chutes para marcar pontos. No final do combate, o competidor com o maior número de pontos é declarado o vencedor (ou antes do fim, caso um deles alcance oito pontos de vantagem sobre o oponente). Os atletas são colocados em categorias de acordo com seu peso.

A duração do kumite é de três minutos para o adulto masculino (individual ou equipe) e de dois minutos para o adulto feminino. A duração nas categorias inferiores depende do critério da organização do evento. A pontuação é limitada às seguintes áreas do corpo do adversário: cabeça, rosto, pescoço, peito, abdômen, lado e costas.