Siga o OTD

Sabre masculino por equipes

CALENDÁRIO

Sabre masculino por equipes do Brasil na história dos Jogos Olímpicos

O Brasil nunca participou do evento do sabre masculino por equipes. Em Berlim-1936, a equipe formada por Lodovico Alessandri, Moacyr Dunham e Ennio de Oliveira até foi inscrita na competição, mas não competiu. Infelizmente, não será em Jogos Olímpicos de Tóquio-2020 que o país fará sua estreia. 

+ Veja a lista dos brasileiros classificados para a Olimpíada

Favoritos no sabre masculino por equipes

Campeões olímpicos vigentes com o título de Londres-2012 e vencedores dos últimos três mundiais, a Coréia do Sul é a equipe a ser batida em Tóquio-2020. O time será formado por nada menos que o atual campeão mundial Oh Sang-uk, o campeão mundial de 2018, Kim Jung-hwan, e o vice mundial de 2017, Gu Bon-gil, atletas que também carregam o favoritismo de conquistar um inédito ouro individual no sabre. 

Quem pode dar trabalho para os asiáticos é a tradicional Hungria, time que vai ser formado pelo bicampeão olímpico Áron Szilágyi, András Szatmári, campeão mundial de 2017 e atual vice, e pelo excelente Csanád Gémesi. O país, que venceu consecutivamente sete títulos entre os anos 20 e 60, não sobe ao topo do pódio do evento desde os Jogos disputados justamente na Coréia do Sul, em Seul-1988, e conta com este forte trio para conquistar o que seria o décimo primeiro ouro do país. 

No mundial de 2019, Hungria e Coreia do Sul disputaram o ouro e o título foi decidido no último toque, com vitória de 45 a 44 para os sul-coreanos. É extremamente improvável que os dois países não façam a final olímpica.

Estados Unidos, Alemanha, Itália e Rússia brigam, na teoria, pelo bronze.

Histórico do sabre masculino por equipes nos Jogos Olímpicos

A prova por equipes do sabre masculino fez sua estreia em Londres-1908 e foi disputada em todas as edições olímpicas seguintes, exceto os Jogos do Rio-2016. Assim como no individual, o domínio é húngaro, com dez ouros para o país no evento. Itália e União Soviética possuem quatro títulos, seguidas de Rússia e França com dois.

Os dois primeiros títulos foram de cara para a Hungria, vencedora em Londres-1908 e Estocolmo-1912. O time foi liderado pelo bicampeão olímpico individual Jeno Fuchs. A Itália venceu os dois seguintes, em Antuérpia-1920 e Paris-1924, o primeiro deles com os irmãos Aldo e Nedo Nadi.

De Amsterdã-1928 a Roma-1960, o título ficou na mão dos húngaros. Se no individual a invencibilidade durou 40 anos, por equipes foi um pouco menos, ‘só’ 32 anos. Nos títulos húngaros, destaque para Aladár Gerevich que esteve presente em seis das sete conquistas consecutivas (exceto Amsterdã-1928), Pál Kovács campeão em cinco e Rudolf Kárpáti em quatro. Todos também foram campeões individuais. 

A União Soviética barrou a sequência húngara com quatro títulos em cinco edições olímpicas. Só não foi de forma consecutiva pois perderam para os italianos em Munique-72. Sem os soviéticos, que boicotaram Los Angeles-1984, a Itália venceu novamente seu quarto e até o momento último título do evento. 

A Hungria voltou a vencer em Seul-88, conquistando seu décimo e por hora último título olímpico. Se os húngaros perderam a força de sua hegemonia, os anos 90 foram dominados por por nações soviéticas. 

Os franceses, que dominam o florete e a espada, conquistaram seus primeiros ouros olímpicos por equipes no sabre com o bicampeonato olímpico em Atenas-2004 e Pequim-2008. Já em Londres-2012, o título ficou com a Coréia do Sul, que se tornou a primeira e até agora única equipe não europeia a vencer um título olímpico masculino por equipes na esgrima.

Makuhari Messe jogos olímpicos de tóquio esgrima
Makuhari Messe, tradicional centro de convenções e que vai receber a esgrima em Tóquio 2020 (Reprodução/wikipedia.org)

Medalhistas do sabre masculino por equipes nos Jogos Olímpicos

JogosOuroPrataBronze
Atenas-1906AlemanhaGréciaHolanda
Londres-1908HungriaItáliaBohemia
Estocolmo-1912HungriaÁustriaHolanda
Antuérpia-1920ItáliaFrançaHolanda
Paris-1924ItáliaHungriaHolanda
Amsterdã-1928HungriaItáliaPolônia
Los Angeles-1932HungriaItáliaPolônia
Berlim-1936HungriaItáliaAlemanha
Londres-1948HungriaItáliaEstados Unidos
Helsinque-1952HungriaItáliaFrança
Melbourne-1956HungriaPolôniaUnião Soviética
Roma-1960HungriaPolôniaItália
Tóquio-1964União SoviéticaItáliaPolônia
Cidade do México-1968União SoviéticaItáliaHungria
Munique-1972ItáliaUnião SoviéticaHungria
Montreal-1976União SoviéticaItáliaRomênia
Moscou-1980União SoviéticaItáliaHungria
Los Angeles-1984ItáliaFrançaRomênia
Seul-1988HungriaUnião SoviéticaItália
Barcelona-1992Equipe UnificadaHungriaFrança
Atlanta-1996RússiaHungriaItália
Sydney-2000RússiaFrançaAlemanha
Atenas-2004FrançaItáliaRússia
Pequim-2008FrançaEstados UnidosItália
Londres-2012Coreia do SulRomêniaItália

+ SIGA O OTD NO YOUTUBE, NO INSTAGRAM, NO FACEBOOK E NO TIKTOK

Quadro de medalhas – sabre masculino por equipes – Jogos Olímpicos

PaísOuroPrataBronzeTotal
Hungria103316
Itália411520
União Soviética4217
França2327
Rússia2013
Alemanha1023
Coreia do Sul1001
Equipe Unificada1001
Polônia0235
Romênia0123
Estados Unidos0112
Áustria0101
Grécia0101
Holanda0044
Bohemia0011