Siga o OTD

100m peito feminino

100m peito feminino – Natação – Jogos Olímpicos Tóquio 2020 

 

Recordes dos 100m peito feminino

Recorde mundial: 1m04s13 – Lilly King (USA) – Budapeste (HUN) – 25/07/2017
Recorde olímpico: 1m04s93 – Lilly King (USA) – Rio de Janeiro (BRA) – 08/08/2016
Recorde Brasileiro: 1m07s35 – Jhennifer Conceição – Rio de Janeiro (BRA) – 20/04/2021

Chances do Brasil nos 100m peito feminino nos Jogos Olímpicos Tóquio 2020

O Brasil não terá representantes no evento em Tóquio-2020.

+ Veja a lista dos brasileiros classificados para os Jogos

O Brasil nos 100m peito feminino dos Jogos Olímpicos

Tatiane Sakemi natação
Tatiane Sakemi foi a última brasileira que competiu nos 100m peito em Jogos Olímpicos, em Pequim-2008 (Divulgação)

Apenas duas mulheres já representaram o Brasil em Jogos Olímpicos nos 100 m peito feminino. A primeira delas foi Cristina Teixeira, que nadou pelo país em Munique-1972 e Montreal-1976, ficando nas eliminatórias. A outra atleta que representou o Brasil foi Tatiane Sakemi em Pequim-2008, ficando em 39º lugar.

Favoritas do 100m costas feminino nos Jogos de Tóquio-2020

lilly king
Campeã olímpica nos Jogos Rio-2016, Lilly King é a principal favorita nos 100m peito em Tóquio (Reprodução)

Atual campeã olímpica e bicampeã mundial, a americana Lilly King desponta com grande favoritismo para vencer o título da prova em Tóquio-2020, podendo se tornar a primeira mulher bicampeã olímpica nos 100m peito. Quem talvez possa atrapalhar a nadadora dos Estados Unidos é sua grande rival russa Yuliya Efimova, vice olímpica no Rio em 2016, mesma posição obtida no Mundial em 2019.

Teoricamente disputando a medalha de bronze, estão as italianas Martina Carraro, (terceira colocada no Mundial de 2019), Arianna Castiglioni e Benedetta Pilato, a japonesa Reona Aoki, a chinesa Yu Jingyao, a sul-africana Tatjana Schoenmaker,  a britânica Molly Renshaw e a australiana Jessica Hansen.

Histórico dos 100m peito feminino nos Jogos Olímpicos

Assim como a prova masculina, os 100m peito feminino estrearam nos Jogos Olímpicos da Cidade do México, em 1968. As americanas, com três medalhas de ouro, são as maiores vencedoras da disputa, tendo a atual campeã olímpica e grande favorita a se tornar a primeira bicampeã olímpica da história da prova, Lilly King.

O primeiro ouro foi para Durdica Bjedov da Iugoslávia. Cathy Carr, dos Estados Unidos, foi a segunda campeã olímpica em Munique-1972. Do final dos anos 70 e o início dos anos 80, a prova foi dominada por atletas da Alemanha Oriental, que carregavam em suas conquistas as polêmicas acusações, posteriormente comprovadas, de esquemas de doping incentivado pelo governo do país. Hannelore Anke venceu em Montreal-1976 e Ute Geweniger levou o ouro em Moscou-1980.

Nos Jogos de Los Angeles-84, a vitória ficou com Petra van Staveren, da Holanda. Tanya Dangalakova, da Bulgária, conquistou o ouro em Seul-1988, em dobradinha com Antoaneta Frenkeva, que dias antes havia sido bronze nos 200m peito. Essas três medalhas, conquistas por essas duas atletas, são as únicas da história búlgara na natação.

Ruta Meilutyte Natacao
Com apenas 15 anos, Ruta Meilutyte, da Lituânia, surpreendeu o mundo com o ouro em Londres-2012 (Reprodução)

Yelena Rudkovskaya, representando a Comunidade dos Estados Independentes, a CEI, foi a vencedora de Barcelona-1992. Em Atlanta-96, Penelope Heyns, da África do Sul, venceu tanto os 100m quanto os 200m nado peito, conquistando os primeiros ouros olímpicos do país pós banimento. É até hoje a única mulher da história a ter vencido as duas distâncias do nado peito. Em Sydney-2000, a vitória ficou com a americana Megan Quann, enquanro a chinesa Luo Xuejuan foi a campeã em Atenas-2004.

A jovem lituana Ruta Meilutyte, de apenas 15 anos, surpreendeu a todos ao vencer em Londres-2012, quando a grande favorita era a americana Rebecca Soni. Na Rio-2016 o título ficou com Lilly King, dos Estados Unidos, candidata para o bi em Tóquio.

+ SIGA O OTD NO YOUTUBE, NO INSTAGRAM, NO FACEBOOK E NO TIKTOK

As medalhistas dos 100m peito feminino nos Jogos Olímpicos

JogosOuroPrataBronze
Cidade do México 1968Durdica Bjedov (YUG)Galina Prozumenshchikova (URS)Sharon Wichmann (USA)
Munique 1972Cathy Carr (USA)Galina Stepanova (URS)Beverley Whitfield (AUS)
Montreal 1976Hannelore Anke (GDR)Lyubov Rusanova (URS)Marina Koshevaya (URS)
Moscou 1980Ute Geweniger (GDR)Elvira Vasilkova (URS)Susanne Nielsson (DEN)
Los Angeles 1984Petra van Staverenm (NED)Anne Ottenbrite (CAN)Catherine Poirot (FRA)
Seul 1988Tanya Dangalakova (BUL)Antoaneta Frenkeva (BUL)Silke Hörner (GDR)
Barcelona 1992Alena Rudkouskaya (EUN)Anita Nall (USA)Sam Riley (AUS)
Atlanta 1996Penny Heyns (RSA)Amanda Beard (USA)Sam Riley (AUS)
Sydney 2000Megan Quann (USA)Leisel Jones (AUS)Penny Heyns (RSA)
Atenas 2004Luo Xuejuan (CHN)Brooke Hanson (AUS)Leisel Jones (AUS)
Pequim 2008Leisel Jones (AUS)Rebecca Soni (USA)Mirna Jukic (AUT)
Londres 2012Rūta Meilutytė (LTU)Rebecca Soni (USA)Satomi Suzuki (JPN)
Rio 2016Lilly King (USA)Yuliya Yefimova (RUS)Katie Meili (USA)

Quadro de medalhas dos 100m peito feminino nos Jogos Olímpicos

PaísOuroPrataBronzeTotal
Estados Unidos3429
Alemanha Oriental2013
Austrália1247
Bulgária1102
África do Sul1012
Lituânia1001
Holanda1001
China1001
Equipe Unificada1001
Iugoslávia1001
União Soviética0415
Canadá0101
Rússia0101
Áustria0011
Dinamarca0011
França0011
Japão0011
viagra