Siga o OTD

Luiz Altamir Lopes Melo

Luiz Altamir Melo – revezamento 4x200m livre masculino – Jogos Olímpicos de Tóquio 2020

Ficha TécnicaMedalhas
Nascimento:. Boa Vista (RR)
Idade: 23 anos (09/05/1996)
Altura: 1,74m
Peso: 69kg
Clube: Ideal Clube (CE)
Pan: 2 (Toronto-2015, Lima-2019)
Olimpíada: 1 (Rio-2016)

PAN
– Toronto-2015 e Lima-2019 (4x200m livre masculino)
– Lima-2019 (4x100m medley)
– Lima-2019 (400m livre)

Um dos novos talentos da nova geração da natação, Luiz Altamir Melo é um nadador que representará a natação do Brasil no revezamento 4x200m livre masculino dos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020.

+Chances de Scheffer, rivais, favoritos datas e mais: TUDO sobre a prova dos 200m masculino em Tóquio

Na Olimpíada do Japão, Luiz Altamir terá a companhia de Murilo Sartori, Breno Correia, e Fernando Scheffer. Com os três últimos, o nadador de meio-fundo entrou para história em 2018 ao ser campeão e recordista mundial em piscina curta.

Jóia olímpica de Roraima

Nascido em Boa Vista, capital de Roraima, Luiz Altamir logo cedo se destacou como um dos melhores atletas da região norte do Brasil. Como o centro das grandes competições é no Sudeste, mudou-se para o Rio de Janeiro para treinar no Clube de Regatas do Flamengo. Após alguns anos tornou-se uma das principais revelações e passou a fazer parte das seleções de base do Brasil.

Em 2014, aos 17 anos de idade, competiu nos Jogos Olímpicos da Juventude em Nanquim e conquistou uma medalha de prata no revezamento 4x100m livre misto, além de ser finalista em três provas individuais. Crescendo muito, teve um grande ano em 2015.

+ SIGA O OTD NO YOUTUBE, NO INSTAGRAM, NO FACEBOOK E NO TIKTOK

Recém promovido a seleção principal, disputou os Jogos Pan-Americanos em 2015 e o Mundial de Kazan, na Rússia. No Pan de Toronto, conquistou sua primeira medalha: ouro no revezamento 4x200m livre. Na sequência, no Mundial, não conseguiu chegar à final, mas bateu o índice olímpico e se tornou o primeiro nadador de Roraima a participar de uma Olimpíada.

No maior evento esportivo do mundo, nadou duas provas: o 400m livre masculino e o revezamento 4x200m. Não conseguiu repetir as boas atuações e ficou nas eliminatórias. A experiência olímpica, no entanto, o ajudou na grande conquista de sua vida até aqui.

Nadadores brasileiros Luiz Altamir (esq) e Brandonn Pierry no Pan de Toronto (Divulgação/COB
)

Geração de ouro

Em dezembro de 2018, Luiz Altamir foi até a China para fazer história. O nadador participou do Mundial de Piscina Curta em Hangzhhou.

Nadando o revezamento 4x200m livre masculino, fez uma prova incrível que rendeu ao Brasil não só a medalha de ouro como o recorde mundial em piscina curta. O quarteto formado por Breno Correia, Fernando Scheffer, Luiz Altamir e Leonardo Coelho Santos não era nem de longe o favorito, mas surpreendeu. Todos ali não tinham, no máximo 23 anos, mostrando que a geração vai brilhar daqui para frente.

Fernando Scheffer - Luiz Altamir Melo - Breno Correia -Luiz Altamir Melo - Jogos Olímpicos de Tóquio - revezamento 4x200m livre masculino - Olimpíada
Luiz Altamir, Scheffer, Leonardo Coelho e Breno Correia com o ouro(Satiro Sodré/SSPRESS/CBDA)

Em 2019, no Mundial de Gwangju, ajudou o revezamento 4x200m livre a quebrar o recorde sul-americano e ficar em 7º lugar. O mais importante no entanto foi aa vaga conquistada para os Jogos Olímpicos de Tóquio 2020 para o Brasil.

Pouco depois, nos Jogos Pan-Americanos de Lima, no Peru, conquistou três medalhas sendo um ouro com o 4x200m livre, uma prata com o 4x100m medley e um bronze nos 400m livre.

Em 2021

No início do ano, Luiz Altamir trocou o Pinheiros, de São Paulo, onde treinava desde 2017, pelo Ideal Clube, do Ceará.

Em abril, caiu na água para a disputa da Seletiva Olímpica de Natação. Na forte prova dos 200m livre masculino, ficou em quinto lugar pela manhã. Se repetisse o resultado, não faria parte nem da prova individual nem do revezamento e estaria fora da Olimpíada. Na final, melhorou seu tempo e cravou 1min48s03, com o 4º tempo geral.

Ficou quase um segundo acima do índice de 1min47s02 perdendo a prova individual, mas garantido no revezamento, sua especialidade, como visto.

RESULTADOS

DataProvaHorário/ResultadoLigaTemporada
400m Livre masculino x Luiz AltamirTorneio SetteColli de natação2018
200m Borboleta x Luiz Altamir MeloTorneio SetteColli de natação2018
400m livre masculino x Luiz AltamirEtapa de Canet do Mare Nostrum2019
200m livre masculino x Luiz AltamirEtapa de Canet do Mare Nostrum2019
200m livre masculino – Final A x Luiz AltamirEtapa de Canet do Mare Nostrum2019
200m borboleta masculino x Luiz AltamirEtapa de Canet do Mare Nostrum2019
200m borboleta masculino – Final A x Luiz AltamirEtapa de Canet do Mare Nostrum2019
200m borboleta masculino x Luiz AltamirEtapa de Barcelona do Mare Nostrum2019
400m livre masculino x Luiz AltamirEtapa de Barcelona do Mare Nostrum2019
200m borboleta masculino – Final A x Luiz AltamirEtapa de Barcelona do Mare Nostrum2019
200m livre masculino x Luiz AltamirEtapa de Barcelona do Mare Nostrum2019
200m livre masculino – Final A x Luiz AltamirEtapa de Barcelona do Mare Nostrum2019
400m livre masculino - Luiz AltamirMundial de Esportes Aquáticos - Natação2019
200m borboleta masculino x Luiz AltamirMundial de Esportes Aquáticos - Natação2019
400m livre masculino – Eliminatórias - Luiz AltamirJogos Pan-Americanos - Natação2019
200m borboleta masculino – Eliminatórias - Luiz AltamirJogos Pan-Americanos - Natação2019
400m livre masculino – Final A - Luiz AltamirJogos Pan-Americanos - Natação2019
200m borboleta masculino – Final A - Luiz AltamirJogos Pan-Americanos - Natação2019
400 m livre masculino x Luiz AltamirTorneio SetteColli de natação2021
100 m livre masculino x Luiz AltamirTorneio SetteColli de natação2021
200 m livre masculino x Luiz AltamirTorneio SetteColli de natação2021