Siga o OTD

CCE por equipes

Jogos Pan-Americanos – Lima 2019 – Hipismo – CCE por equipes

Chances do Brasil

Ruy Fonseca em ação

Em Toronto 2015, o Brasil voltou de terras canadenses com a medalha de prata no concurso completo de equitação por equipes. Com a base do time mantida para as competições no Peru, a tendência é de que o país mantenha o retrospecto positivo. Marcelo Tosi, Márcio Appel e Rafael Mamprin Losano formam a Seleção Brasileira na categoria, além dos remanescentes Ruy Fonseca e Carlos Parro.

Local da competição

Escola de Equitação do Exército

Local: La Molina, Lima

A estrela dos Jogos

Além da manutenção da liderança do quadro de medalhas do CCE por equipes, os Estados Unidos são os atuais tricampeões consecutivos dos Jogos Pan-Americanos. Phillip Dutton fez parte de duas delegações vitoriosas e faturou o ouro no Rio de Janeiro 2007 e em Toronto 2015. Hoje com 55 anos de idade, o atleta nascido na Austrália registra três medalhas olímpicas na carreira, com direito a um bicampeonato.

Nossos pódios

Ruy Fonseca, Caca Paro, Marcio Jorge e Henrique Pinheiro levaram a prata em Toronto 2015

Desde Buenos Aires 1951, o Brasil já levou cinco medalhas para casa no CCE por equipes, sendo uma de ouro, duas de prata e duas de bronze. No entanto, os resultados expressivos começaram a aparecer após a conquista do título em Mar del Plata 1995. De lá para cá, o país não deixou de frequentar o pódio, sendo vice-campeão em Winnipeg 1999 e em Toronto 2015, além dos terceiros lugares no Rio de Janeiro 2007 e em Guadalajara 2011. Com os resultados, os brasileiros ocupam a terceira melhor campanha na história da categoria nos Jogos Pan-Americanos.

Medalhistas

ANO Medalha de ouro Medalha de prata Medalha de bronze
1951 Flag of Argentina.svg Argentina Flag of Chile.png Chile
1955 Flag of Mexico.svg México
1959 Flag of Canada.svg Canadá Flag of the United States.svg EUA
1963 Flag of the United States.svg EUA
1967 Flag of the United States.svg EUA
1971 Flag of Canada.svg Canadá
1975 Flag of the United States.svg EUA Flag of Canada.svg Canadá Flag of Mexico.svg México
1987 Flag of the United States.svg EUA Flag of Canada.svg Canadá Flag of Chile.png Chile
1995 Flag of Brazil.svg Brasil Flag of the United States.svg EUA
1999 Flag of the United States.svg EUA Flag of Brazil.svg Brasil Flag of Uruguay.svg Uruguai
2003 Resultados não incluídos oficialmente
2007 Flag of the United States.svg EUA Flag of Canada.svg Canadá Flag of Brazil.svg Brasil
2011 Flag of the United States.svg EUA Flag of Canada.svg Canadá Flag of Brazil.svg Brasil
2015 Flag of the United States.svg EUA Flag of Brazil.svg Brasil Flag of Canada.svg Canadá

Quadro de medalhas

Posição País Medalha de ouro Medalha de prata Medalha de bronze Total
1 Flag of the United States.svg EUA 8 2 0 10
2 Flag of Canada.svg Canadá 2 4 1 7
3 Flag of Brazil.svg Brasil 1 2 2 5
4 Flag of Mexico.svg México 1 0 1 2
5 Flag of Argentina.svg Argentina 1 0 0 1
6 Flag of Chile.png Chile 0 1 1 2
7 Flag of Uruguay.svg Uruguai 0 0 1 1

A prova

Também chamado de prova dos três dias, o concurso completo de equitação (CCE), nada mais é do que um torneio combinado. Além das provas de saltos e do adestramento, os cavaleiros participam de uma outra disputa de cross country, que simula uma cavalgada em ambiente natural e inclui saltos de obstáculos naturais (como tronco, cerca viva, tanque de água), subida e descida de rampas.

O CCE é realizado em três dias, por isto também é chamada de prova dos três dias. No primeiro dia, na prova de adestramento, o conjunto se apresenta aos juizes em um picadeiro, sem obstáculos, fazendo uma sequência de movimentos obrigatórios. A pontuação obtida é transformada em pontos negativos para as próximas fases.

No segundo dia é realizada uma prova de fundo, que é a etapa mais importante. Ela é dividida em percursos e caminhos, steeplechase (corrida de obstáculos) e cross-country (obstáculos naturais). No terceiro e último dia, que conta com a prova de saltos, cavaleiro e cavalo devem superar dez obstáculos semelhantes àqueles utilizados na tradicional prova de saltos. O campeão do CCE é o cavaleiro que somar o menor número de pontos negativos ao longo das três etapas da prova.

AGENDA DO DIA

nov 22 04:30 Etapa de Berna da Copa do Mundo de espada masculina Grupo 6 4V 2D - Classificado Alexandre Camargo (BRA) nov 22 05:00 Grand Slam de Osaka de judô Finais nov 22 06:00 Etapa do Cairo da Copa do Mundo de florete feminino Grupo 5 2V 4D - Eliminada Gabriela Cecchini (BRA) nov 22 06:30 Etapa de Berna da Copa do Mundo de espada masculina Grupo 26 1V 5D - Eliminado Vinícius Tarta (BRA) nov 22 08:15 Etapa do Cairo da Copa do Mundo de florete feminino Grupo 16 4V 2D - Classificada Bia Bulcão (BRA) nov 22 09:00 Etapa de Ribeirão Preto do Circuito Brasileiro de vôlei de praia nov 22 09:00 Copa Brasil de Taekwondo Categoria juvenil feminino nov 22 09:00 Campeonato Brasileiro de tiro esportivo nov 22 10:30 Torneio Tammer de boxe Ibrahima Diallo (BEL) Wanderson Oliveira (BRA) nov 22 11:00 Torneio Tammer de boxe Keno Machado (BRA) Topias Vaittnen (FIN) nov 22 12:30 Etapa de Cottbus da Copa do Mundo de ginástica artística Salto masculino Tomás Florêncio nov 22 12:30 Etapa de Cottbus da Copa do Mundo de ginástica artística Salto masculino Leonardo Souza nov 22 12:30 Etapa de Cottbus da Copa do Mundo de ginástica artística Barra Fixa Leonardo Souza nov 22 12:30 Etapa de Cottbus da Copa do Mundo de ginástica artística Barra Fixa Tomás Florêncio nov 22 12:30 Etapa de Cottbus da Copa do Mundo de ginástica artística Barras Paralelas Leonardo Souza nov 22 12:30 Etapa de Cottbus da Copa do Mundo de ginástica artística Barras Paralelas Tomás Florêncio nov 22 12:30 Etapa de Cottbus da Copa do Mundo de ginástica artística Trave Thaís Fidélis nov 22 12:30 Etapa de Cottbus da Copa do Mundo de ginástica artística Trave Isabel Barbosa nov 22 12:30 Etapa de Cottbus da Copa do Mundo de ginástica artística Solo feminino Thaís Fidélis nov 22 12:30 Etapa de Cottbus da Copa do Mundo de ginástica artística Solo feminino Isabel Barbosa nov 22 12:30 ITF de Cancún Mayuka Aikawa (JAP)/Utaka Kishigami (JAP) Julia Konishi (BRA)/Taylor NG (EUA) nov 22 12:40 Etapa do Cairo da Copa do Mundo de florete feminino Maria Teresa Dias (ESP) Bia Bulcão (BRA) nov 22 13:30 ITF de Tucson Gabriela Cé (BRA) Ariana Arseneault (CAN) nov 22 13:30 International Challenge da Escócia de badminton Rasmus Messerschmidt (DIN) Ygor Coelho (BRA) nov 22 15:00 Copa Brasil de Taekwondo Categoria juvenil masculino nov 22 15:00 ITF de Cancún Mayuka Aikawa (JAP)/Utaka Kishigami (JAP) Julia Konishi (BRA)/Taylor NG (EUA) nov 22 15:15 Campeonato Alemão de futebol feminino Frankfurt Hoffenheim nov 22 15:15 Torneio Tammer de boxe Rebeca Lima (BRA) Aneta Rygielska (POL) nov 22 16:00 Torneio Tammer de boxe Abner Teixeira (BRA) Ainar Karlson (EST) nov 22 18:00 ITF de Tucson Gabriela Cé (BRA)/Ingrid Gamarra Martins (BRA) Abigail Amos (GBR)/Kayla Wilkins (EUA) nov 22 19:00 Liga Nacional de polo aquático masculino - primeira fase Paineiras ABDA nov 22 19:30 Liga Nacional de polo aquático masculino - primeira fase Sesi Flamengo nov 22 19:30 Superliga de vôlei feminino - Primeira Fase Dentil Praia Clube Curitiba Vôlei nov 22 20:00 Superliga de vôlei feminino - Primeira Fase Minas Tênis Clube Pinheiros nov 22 20:00 NBB Paulistano Basquete Cearense nov 22 20:30 Liga Nacional de polo aquático masculino - primeira fase Paulistano Botafogo nov 22 21:00 Liga Nacional de polo aquático masculino - primeira fase Pinheiros Fluminense nov 22 21:10 NBB Pinheiros Flamengo nov 22 21:30 Superliga de vôlei feminino - Primeira Fase Flamengo Sesc RJ nov 22 22:00 NBA Chicago Bulls Miami Heat nov 22 22:00 NBA Philadelphia 76ers San Antonio Spurs nov 22 23:00 Grand Slam de Osaka de judô 81kg Victor Penalber (BRA) nov 22 23:00 Grand Slam de Osaka de judô 81kg Leandro Guilheiro (BRA) nov 22 23:00 Grand Slam de Osaka de judô 73kg Eduardo Katsuhiro (BRA) nov 22 23:00 Grand Slam de Osaka de judô 70kg Maria Portela (BRA)