Siga o OTD

Recurvo feminino

Jogos Pan-Americanos – Lima 2019 – Tiro com arco – individual recurvo feminino

CALENDÁRIO

DataEventoHorário/Resultado
Recurvo feminino – Quartas de Final
Recurvo Feminino – Fase de Classificação - Ane Marcelle dos Santos (BRA)
Recurvo Feminino – Fase de Classificação - Graziela Paulino dos Santos (BRA)
Recurvo Feminino – Fase de Classificação - Ana Luíza Caetano (BRA)
Recurvo feminino – 1ª. Eliminatória – Ane Marcelle dos Santos (BRA) x Gisela Yubrin (ARG)
Recurvo feminino – 1ª. Eliminatória – Valentina Giraldo (COL) x Graziela Paulino dos Santos (BRA)
Recurvo feminino – Oitavas de Final – Mariana Martínez (MEX) x Ane Marcelle dos Santos (BRA)
Recurvo feminino – 1ª. Eliminatória – Grupo 2 - Mayra Fuenmayor (VEN) x Ana Luíza Caetano (BRA)
Recurvo feminino – Oitavas de Final – Ana Luíza Caetano (BRA) x Casey Kaufhold (EUA)
Recurvo feminino – Semifinal x
Recurvo feminino – Disputa do bronze x
Recurvo feminino – Final x

Chances do Brasil

Graziela Santos é a grande esperança de medalha para o Brasil nos Jogos Pan-Americanos na categoria individual recurvo feminino. Natural de Novo Airão, no Amazonas, a atleta nacional tem etnia indígena Karapãna e tem boas possibilidades de alcançar um resultado positivo para o país. A arqueira foi campeã na seletiva dos Jogos Pan-Americanos de Lima da Confederação Brasileira de Tiro com Arco e mostrou que tem talento e confiança para almejar o pódio.

Além dela, Ane Marcelle dos Santos também pode brilhar. A atleta foi a grande surpresa da Olimpíada do Rio de Janeiro ao chegar às oitavas de final da competição. Já Ana Luiza Caetano é uma das grandes revelações do tiro com arco brasileiro. Com apenas 16 anos, ela vai tentar surpreender nos Jogos Pan-Americanos Lima 2016.

Local da Competição

Complexo Deportivo Villa Maria Del Triunfo.

Local: Lima

Capacidade: 1.000

A Estrela dos Jogos

A grande estrela da categoria é a norte-americana Denise Parker. Medalha de ouro nas edições de 1987 (Indianópolis, EUA) e 1991 (Havana, Cuba) e terceiro lugar na edição de 1999 (Wnnipeg, Canadá), a atleta foi um dos grandes nomes da história da modalidade.

Um dos grandes feitos de Parker é ter sido a atleta mais jovem da histórica dos Estados Unidos a disputar os Jogos Olimpícos pela delegação do país. O feito aconteceu em 1998, quando a arqueira tinha apenas incríveis 14 anos e foi medalha de bronze com sua equipe.

Durante sua carreira, ela afirmou ter um dom para o esporte e que nasceu para ser uma arqueira profissional de alto nível.

Medalhistas

ANO Medalha de ouro Medalha de prata Medalha de bronze
1979 Lynette Johnson
 EUA
Carol Strausburg
 EUA
Joan McDonald
 Canadá
1983 Ruth Rowe
 EUA
Deborah Ochs
 EUA
Linda Kazienko
 Canadá
1987 Denise Parker
 EUA
Trena King
 EUA
Eva Bueno
 Cuba
1991 Denise Parker
 EUA
Jennifer O’Donnell
 EUA
Aurora Bretón
 México
1995 Janet Dykman
 EUA
Vic Wunderle
 EUA
Marisol Bretón
 México
1999 Yaremis Pérez
 Cuba
Denisse Van Lamoen
 Chile
Denise Parker
 EUA
2003 Jennifer Nichols
 EUA
Cláudia Lissette Landaverde
 El Salvador
Stephanie Miller
 EUA
2007 Jennifer Nichols
 EUA
Aída Román
 México
Ana Maria Rendón
 Colombia
2011 Alejandra Valencia
 Mexico
Miranda Leek
 EUA
Aída Román
 México
2015 Khatnua Lorig
 EUA
Ana Maria Rendón
 Colômbia
Karla Hinojosa
 México

Quadro de Medalhas

 

Ordem País Medalha de ouro Medalha de prata Medalha de bronze Total
1  EUA 8 6 2 16
2  México 1 1 4 6
3  Cuba 1 0 1 2
4  Colômbia 0 1 1 2
5 Chile 0 1 0 1
El Salvador 0 1 0 1
7  Canadá 0 0 2 2

O ESPORTE

Divulgação/COB

O tiro com arco é uma modalidade que tem como principal objetivo acertar um determinado alvo com o máximo de precisão possível, sendo que o equipamento utilizado para a prática é o arco e a flecha.

No tiro com arco moderno são usados dois tipos de arco: o recurvo (composto por lâmina, punho e corda) e o composto (cada uma das lâminas possui uma alavanca em suas extremidades).

O alvo da disputa é feito normalmente de papel simples ou de material sintético, sendo que ele terá em seu interior uma sequência de anéis com uma determinada pontuação, identificado pelas cores amarelo (10 e 9 pontos), vermelho (8 e 7 pontos), azul (6 e 5 pontos), preto (4 e 3 pontos) e branco (2 e 1 ponto).

Nas competições Outdoor, os arqueiros disparam 72 flechas, enquanto que nas competições Indoor, os atletas disparam 60 flechas.  A partir disto, a posição de cada flecha lançada pelo atleta determinará os seus pontos na competição.