Siga o OTD

Basquete

LISTA: 7 filmes e documentários esportivos para ver na Netflix

Na terceira edição do OTD Cultural no Youtube, o Olimpíada Todo Dia lista sete filmes e documentários esportivos para você ver no Netflix; tem técnico com muitas irmãs, perdedores, vencedores, ataques de tubarão, escândalos do esporte muito mais

A pandemia do novo coronavírus mudou drasticamente as nossas rotinas. Para evitar a propagação do vírus e ajudar no isolamento social, criamos, em março, o OTD Cultural, com indicações de livros, documentários e filmes esportivos para você aproveitar nessa quarentena.

+ SIGA O OTD NO FACEBOOKINSTAGRAMTWITTER E YOUTUBE

O quadro virou semanal e agora está em vídeo. Na semana passada, listamos 10 atletas que viraram atores, atrizes ou escritores. Hoje, para celebrar o aniversário da Netflix, que ocorre na próxima quinta-feira (27), listamos sete filmes e documentários sobre esporte para se assistir na gigante do entretenimento comendo uma pipoca.

Clique no vídeo acima e assista em primeira mão o programa!

OTD Cultural no Youtube 3 –Sete filmes e documentários esportivos para ver na Netflix

Completando 22 anos de vida, a Netflix se tornou um gigante do mundo do entretenimento. Para você que sempre reclama que não tem nada de interessante para ver no aplicativo, demos de cara sete filmes sobre esporte que são muito legais para ver ou rever. Mais para frente, faremos outras listas.

Os sete filmes e documentários esportivos na Netflix são:

  • Coach Carter
  • Losers
  • The Last Dance (O Arremesso Final)
  • Soul Surfer
  • Game Changers (Dieta de Gladiadores)
  • Atleta A
  • Icarus

COACH CARTER – TREINO PARA A VIDA

O filme de 2005 foi indiciado pela atleta do handebol Paty Matieli. Conta a história de Ken Carter, dono de uma loja de artigos esportivos que aceita ser o técnico do time de basquete de sua antiga escola, localizado em um bairro pobre da cidade.

Diferentemente de seu antecessor, Carter tem uma metodologia muito rígida, e faz com que os alunos interessados em jogar basquete assinem um contrato que os obriga a se vestir bem, ter boas notas e agir de forma educada sempre. O esquema funciona e o time passa a vencer todos os jogos, se tornando a sensação da cidade.

LISTA: 7 filmes e documentários esportivos na Netflix

Estrelado por Samuel L Jackson, é um filme baseado na história de Ken Carter, que em 1999 foi manchete nos Estados Unidos após suspender o seu time, invicto até então, por notas ruins de seus jogadores na escola.

Coach Carter rendeu boa repercussão perante ao público e acabou sendo um sucesso de bilheteria. É bastante lembrado por jogadores de basquete, principalmente por conta das jogadas introduzidas pelo técnico, sempre com nome de alguma de suas ex-namoradas.

DOCUMENTÁRIO ESPORTIVO – LOSERS

No mundo dos esportes, sempre há um vencedor e um perdedor, mas por muitas vezes, só aquele que triunfa é lembrado. Essa série de documentários do Netflix conta histórias de atletas que transformaram a tristeza da derrota em um grande triunfo.

O documentário esportivo Losers conta histórias muito interessantes. Desde um golfista que teve um colapso mental no último do British Open até um boxeador que não queria lutar e só o fez por conta da relação abusiva com seu pai. Os finais são sempre muito interessantes e o background de animação do diretor/ produtor executivo Mickey Duzyj tornam a série muito atrativa.

DOCUMENTÁRIOS ESPORTIVOS THE LAST DANCE

Um documentário que estreou na última semana no Netflix de tirar o fôlego do fã de basquete.

The Last Dance (O Último Arremesso, na Netflix brasileira) é o relato sobre a carreira de Michael Jordan, considerado por muitos como o maior jogador de basquete da história, e o incrível time do Chicago Bulls nos anos 90.

Atual bicampeão da NBA e vencedor de cinco títulos em oito anos, os Bulls entraram na temporada de 1997-98 como favoritos, mas sabendo que ali se encerraria uma dinastia. Com contrato expirando, o técnico Phil Jackson chamou de The Last Dance (A última dança) o seu plano para conquistar o hexacampeonato.

Com entrevistas com todos os protagonistas do time, como Scottie Pippen, Dennis Rodman, Steve Kerr e o próprio Jordan, o espectador pode entender um pouco mais sobre a mentalidade vencedora que Michael trouxe ao esporte e que inspirou muitos outros.

Além disso, o documentário esportivo traz imagens inéditas da temporada de 1997/98 com uma qualidade excelente. Nessa segunda-feira (30) saem os episódios 3 e 4 dos 10 ao todo que serão exibidos.

SOUL SURFER

No OTD Cultural em vídeo dessa semana, listamos 7 filmes e documentários esportivos na Netflix, que celebra o aniversário no próximo dia 27
LISTA: 7 filmes e documentários esportivos na Netflix

No dia em que Luiza Fiorese descobriu que tinha câncer, sua melhor amiga lhe indicou que assistisse a um filme. Triste e abatida com a notícia e receosa com a possibilidade de ter de abandonar o handebol, a atleta jamais poderia imaginar que iria assistir a algo que a motivaria na batalha contra a doença e que lhe permitisse seguir com a vida de maneira normal.

Baseado na autobiografia da surfista americana Bethany Hilton, que perdeu um braço após um ataque de tubarão em 2003 e voltou ao esporte um ano depois,O filme inspirador de Luiza chama-se Soul Surfer. Mostra a rápida ascensão de Bethany no surfe até o ataque sofrido e que lhe tirou o braço esquerdo, quando a atleta tinha apenas 13 anos de idade. Retrata também o modo como ela lidou com toda a situação e com a mídia, além do imenso apoio de seus pais na luta para voltar ao mar.

” É um filme contado de uma forma muito bonita. De uma superação linda. Desse filme eu tirei uma frase que eu levo para a minha vida inteira: ‘Não precisa ser fácil; basta ser possível’. Durante o tratamento, eu a repetia dias e dias. E ela ficou como se minha. Eu vou até tatuá-la, para marcar a minha pela. É por isso que Soul Surfer é tão especial para mim,” revelou a atleta.

Luiza Fiorese

“Tem uma parte no filme em que a Bethany fala que nunca imaginou que parar de surfar ia mostrar para ela que o surfe não é a coisa mais importante na vida dela. O que mais importa é o amor. E isso me ajudou muito a ter de largar o handebol, que eu praticava à época,” completou Luiza Fiorese.

DIETA DE GLADIADORES

Um documentário que inspirou a atleta Tammy Galera a virar vegetariana. Dieta de Gladiadores (The Game Changers, em inglês) é um documentário produzido por James Cameron, conhecido por dirigir os gigantes de bilheteria de Hollywood Titanic e Avatar, que trata sobre a dieta a base de vegetais.

No documentário, James Wilks, um lutador e instrutor de artes marciais vencedor do reality show The Ultimate Fighter, passa a conversar com cientistas visionários e grandes atletas na tentativa de descobrir a dieta ideal para melhorar o desempenho e a saúde.

Dieta de Gladiadores (reprodução)

Wilks descobre um estudo que diz que os gladiadores do Império Romano se alimentavam apenas a base de vegetais. Ele então passa a conversar com atletas olímpicos de elite que também não usam alimentos de origem animal na dieta, como Morgan Mitchel (australiana dos 400 metros rasos), Dotsie Bausch (americana do ciclismo de pista) e Kendrick Ferris (americano do levantador de peso), além de celebridades como o ator e ex-governador da California Arnold Schwarzenegger.

O documentário gerou um acalorado debate entre vegetarianos e carnívoros. Críticos apontam equívocos em algumas informações citadas e o uso de dados aplicados fora de contexto que levam à desinformação. É entretanto, muito bem produzido, dirigido e interessante de se ver.

ATLETA A

Como bem definiu Marcelo Laguna no blog Laguna Olímpico, Atleta A é um soco no estômago necessário para quem é fã de esportes. Com fortes e emocionantes depoimentos, relembra um episódio cujas feridas ainda não cicatrizaram totalmente: o escândalo de abuso sexual na ginástica artística dos Estados Unidos.

Em 1h44min, o documentário dirigido por Bonni Cohen e Jon Shenk é relembra todos os caminhos que levaram o médico Larry Nassar, condenado a mais de 120 anos de prisão por abusar de mais de 500 ginastas da seleção americana e da Universidade de Michigan. Pior ainda, mostra como tudo contou com a conivência da própria direção da USAG (Federação Americana de Ginástica).

O julgamento de Nassar, quando foi obrigado a ouvir seguidos depoimentos de suas vítimas, olhando com desprezo em seus olhos, é um dos momentos mais fortes do documentário. E mesmo algumas lendas da ginástica não foram poupadas. Ícone da modalidade, o romeno Bela Karoly, ex-técnico de Nadia Comaneci e que ao lado da mulher Marta comandou a parte técnica da seleção principal dos Estados Unidos, não é retratado de uma forma simpática.

ICARUS

O documentário de 2017 dirigido e escrito por Bryan Fogel e Mark Monroe foi o vencedor do Oscar de 2018 de melhor documentário. Trata de um tema que marcou as vésperas dos Jogos Olímpicos do Rio-2016: o escândalo de doping russo.

A trama conta a própria história de Fogel, um ciclista amador que se envolve em um escândalo de doping com a ajuda do chefe de laboratório antidoping Grigory Rodchenkov.

É interessante observar no documentário como o temperamento de Rodchenkov muda ao longo do documentário. Calmo e sereno no começo, o homem que ajudou a Rússia a trapacear no esporte vai ficando mais tenso a medida em que intensifica suas conversas com Fogel.

Atletas que migraram para o entretenimento

Confira também a segunda edição do OTD Cultural em vídeo. Listamos 10 atletas que viraram atores/atrizes ou escritores. Tem Tarzan das piscinas, vilões do 007, ator de filme de ação que praticou um esporte que você nunca imaginaria, dois dos escritores mais influentes do século XX, atriz com arremesso e rebatida forte, craque do futebol para os pequenos, e é claro, o clássico alienígenas versus humanos.

Filmes pro inverno

Aproveite também e confira abaixo a primeira edição do OTD Cultural em vídeo. Aproveitamos o frio que vem fazendo para dar dicas de filmes esportivos para ver no inverno, com um livro de bônus.

Tem um clássico da sessão da tarde que inspirou o Edson Bindilatti no bobsled, uma história que é bem clichê de filme americano, mas realmente aconteceu, um ataque bizarro de ataque nos Jogos de Inverno, Disney Pé Fria pra burro e o único brasileiro a correr nos polos norte e sul.

Mais em Basquete