Siga o OTD

Handebol

Duda Amorim é a convidada do talkshow Pode Contar. Ouça!

Ouça o terceiro episódio do Pode Contar, podcast do Olimpíada Todo Dia, com a participação de Duda Amorim, atleta do handebol

O mês de julho marca o retorno do talkshow esportivo do Olimpíada Todo Dia o: Pode Contar! E pra comemorar recebemos ela que foi campeã mundial e MVP em 2013, melhor do mundo em 2014 e melhor da Europa em 2019… A convidada é a atleta do handebol feminino: Duda Amorim!
Quem é Duda Amorim além das quadras? Ouça e conheça mais!

 SIGA O OTD NO FACEBOOKINSTAGRAMTWITTER E YOUTUBE

Ouça o terceiro episódio do Pode Contar, podcast do Olimpíada Todo Dia, com a participação de Duda Amorim, atleta do handebol (Arte/Olimpíada Todo Dia)
Ouça o terceiro episódio do Pode Contar, podcast do Olimpíada Todo Dia, com a participação de Duda Amorim, atleta do handebol (Arte/Olimpíada Todo Dia)

Duda é eleita a melhor defensora da Champions

De novo ela! Pela quarta vez na carreira, a segunda seguida, Duda Amorim conquistou o prêmio de melhor defensora da Champions League de handebol feminino. O anúncio da seleção da temporada aconteceu nesta sexta-feira (5).

Duda Amorim, que entrou na briga pela escolha dos técnicos, somou 11.029 votos, uma das únicas três que superaram os 10 mil (veja abaixo lista com as vencedoras). A votação foi por meio do site da EHF. Ela já havia vencido em 2016, 2017 e no ano passado.

Em conversa com o Olimpíada Todo Dia, Duda Amorim comemorou e agradeceu a todos pela nomeação. “Muito feliz por mais essa conquista. Sou muito grata a todos que me ajudaram a conquistar essa nomeação mais uma vez. Agora estou mais motivada ainda para começar a temporada”.  Leia mais!

Duda Amorim pretende encerrar carreira após a Olimpíada

Se por um lado o adiamento dos Jogos Olímpicos de Tóquio para 2021 fez com que carreiras no esporte fossem subitamente encerradas, por outro, deu vida nova a vitoriosas trajetórias esportivas de alguns atletas. É o caso de Duda Amorim, brasileira campeã de tudo no handebol e que pretendia parar de jogar em maio de 2021 com a camisa do Gyori, seu time na Hungria.

“Depois que acabasse a Olimpíada de Tóquio esse ano, eu ia encerrar a minha participação com a seleção. A minha vontade era terminar o último ano de carreira com o Gyori, com essas pausas na temporada. Geralmente a seleção se reúne em setembro, dezembro, março… então eu queria essas pausas pra descansar e focar mais no clube,” revelou Duda em live com o Olimpíada Todo Dia no Instagram. Leia mais!

Mais em Handebol