Siga o OTD

Tóquio 2020

Sem Cristiane, Pia anuncia seleção feminina com Marta e Formiga para Tóquio

Sem Cristiane, Pia anuncia seleção feminina com Marta e Formiga para os Jogos Olímpicos de Tóquio; confira a lista completa

(Thais Magalhães/CBF)

Sem Cristiane, Pia anuncia seleção feminina com Marta e Formiga para Tóquio

Nesta sexta-feira (18), a técnica Pia Sundhage divulgou as 18 atletas que representarão a seleção brasileira feminina nos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020 na briga pela primeira medalha dourada na modalidade. Contando com Marta e Formiga como líderes do grupo, o destaque da convocação ficou por conta da ausência da centroavante Cristiane, que fica de fora de uma Olímpiada após ter participado das últimas quatro edições.

+ André Jardine convoca seleção olímpica com Pedro e Daniel Alves

A estreia da seleção brasileira feminina nos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020 será no dia 21 de julho diante da China, em Miyagi. Na sequência, a Seleção Feminina encara a Holanda, no dia 24 de julho, também em Miyagi, e fecha a fase de grupos contra a Zâmbia, em Saitama, no dia 27 de julho.

pia sundhage convocação Tóquio 2020
Pia Sundhage convocou 18 atletas mais quatro suplentes para os Jogos Olímpicos de Tóquio (Richard Callis/SPP/CBF)

Em um ano e onze meses, Pia Sundhage comandou a Seleção Feminina em dezoito jogos, somando onze vitórias, cinco empates e duas derrotas (diante a França e o Estados Unidos). Ainda antes do inicio dos Jogos, a equipe passará por um período de preparação em Portland, nos Estados Unidos, no começo do próximo mês.

Cristiane é ausência

Maior artilheira da história dos Jogos Olímpicos dos dois gêneros com 14 gols marcados, a atacante Cristiane foi ausência sentida na convocação da seleção feminina. Segundo a treinadora, a escolha por deixar de fora a atacante de 36 anos que representou o Brasil nas últimas quatro edições olímpicas se deu pela questão técnica.

Cristiane é a maior artilheira da história dos Jogos Olímpicos nos dois gêneros (Laura Zago/CBF)

“Normalmente, não respondo sobre jogadoras não chamadas, acho um insulto às que foram convocadas, mas vou falar em respeito à Cristiane. Ela tem uma linda história pela seleção e respeitamos muito isso. Porém, temos observado de perto as jogadoras em seus clubes, e acredito que temos jogadoras em condição de representar bem a seleção”, avaliou Pia Sundhage.

Entre as convocadas, sete disputarão os Jogos Olímpicos pela primeira vez, são elas: a goleira Letícia, a defensora Jucinara, as meias Julia Bianchi, Adriana, Duda, e as atacantes Geyse e Ludmila. Outra marca importante está presente nesta convocação, a meia Formiga fará história mais uma vez a ser convocada para a sua sétima olimpíada. Desde que o futebol feminino foi inserido no programa olímpico, em Atlanta 1996, a volante fez parte de todas as edições.

Confira a lista completa:

Goleiras: Bárbara (Avaí/Kindermann) e Letícia Izidoro (Benfica-POR)

Defensoras: Poliana (Corinthians), Bruna Benites (Internacional), Rafaelle (Palmeiras), Erika (Corinthians), Tamires (Corinthians) e Jucinara (Levante-ESP)

Meio-Campistas: Marta (Orlando Pride-EUA), Formiga (São Paulo), Andressinha (Corinthians), Júlia Bianchi (Palmeiras), Duda (São Paulo), Debinha (North Carolina Courage) e Adriana (Corinthians)

Atacantes: Ludmila (Atlético de Madrid-ESP), Bia Zaneratto (Palmeiras) e Geyse (Madrid CFF)

A treinadora sueca listou ainda outras quatro atletas que incluem a lista de suplentes da seleção feminina caso haja a necessidade de alguma troca antes do inicio dos jogos no Japão. São elas: Aline Reis, goleira (Granadilla Tenerife-ESP), Andressa Alves, meia (Roma-ITA), Letícia Santos, lateral (Eintracht Frankfurt-ALE) e Giovane Queioz, atacante (Barcelona-ESP).

+ SIGA O OTD NO FACEBOOKINSTAGRAMTWITTER E YOUTUBE

Mais em Tóquio 2020