Siga o OTD

marcus d'almeida e bernardo oliveira campeonato pan-americano de tiro com arco

Tiro com Arco

Brasil fecha Pan com dobradinha de Marcus D’Almeida e Bernardo Oliveira

No último dia do Campeonato Pan-Americano de tiro com arco, Marcus D’Almeida foi prata e Bernardo Oliveira, bronze, no arco recurvo masculino

Brasil fecha Pan com dobradinha de Marcus D’Almeida e Bernardo Oliveira

O Brasil encerrou sua participação no Campeonato Pan-Americano de tiro com arco com dobradinha no pódio. Marcus D’Almeida ficou com a medalha de prata e Bernardo Oliveira com o bronze no arco recurvo masculino. O campeão foi o colombiano Santiago Arcila, que venceu os dois brasileiros neste domingo.

Na semifinal, Marcus D’Almeida teve um duelo difícil contra o chileno Ricardo Pedraza e só conseguiu a vitória por muito pouco, de virada, por 28/25, 26/28, 25/26, 29/25 e 28/27.

+ SIGA O OTD NO YOUTUBE, NO INSTAGRAM, NO FACEBOOK E NO TIKTOK

Na outra semifinal, Bernardo Oliveira saiu na frente, mas o colombiano Santiago Arcila se recuperou, venceu por 6 a 2 com parciais 25/27, 27/24, 26/25 e 26/25 e se classificou para decidir o título do Campeonato Pan-Americano de tiro com arco com Marcus D’Almeida.

Já Bernardo Oliveira foi disputar a medalha de bronze com Ricardo Pedraza e derrotou o colombiano por 6 a 2 com parciais de 26/26, 27/24, 25/25 e 28/25 para garantir seu lugar no pódio.

Na decisão, Santiago Arcila venceu o primeiro set por 26 a 24, mas Marcus D’Almeida virou com autoridade ao fazer 29/26 e 29/25. Mas o colombiano não se entregou e conseguiu levar a decisão para o quinto set ao vencer por 28 a 26.

No set decisivo, Marcus D’Almeida lançou mal seus dois primeiros tiros, que acertaram o sete, enquanto Arcila fez dez e nove. Na última rodada, o brasileiro acertou no dez contra sete do colombiano, que assegurou a medalha de ouro por 26 a 24.

Além da prata individual, Marcus D’Almeida foi ouro por equipes masculina com Bernardo Oliveira e Marcelo Costa e na equipe mista com Ane Marcelle dos Santos.

A semana em Monterrey teve como destaque passaportes carimbados para Tóruio com o título do Pré-Olímpico das Américas conquistado por Ane Marcelle e com quatro vagas nos Jogos Paralímpicos.

Mais em Tiro com Arco