Siga o OTD

Hugo Calderano derrota prodígio japonês e entra para história

Tênis de Mesa

Hugo Calderano derrota prodígio japonês e entra para história

O brasileiro Hugo Calderano derrotou o japonês Tomokazu Harimoto e avançou para a semifinal do Aberto do Qatar de tênis de mesa

Hugo Calderano conseguiu um resultado espetacular na manhã deste sábado no Aberto do Qatar de tênis de mesa. Pela primeira vez na história, o  brasileiro de 21 anos se classificou para a semifinal de um torneio nível platinum, o mais importante do circuito mundial da modalidade, equivalente ao que representa o Grand Slam no tênis. Para alcançar o feito, além de ter derrotado o alemão Timo Boll, número 1 do mundo, nas oitavas-de-final, ele bateu o prodígio japonês Tomokazu Harimoto, de apenas 15 anos, por 11/5, 11/6, 11/6 e 11/7 nas quartas. Com o resultado, ele será o intruso entre três chineses que continuam na disputa pelo título.

O feito de Hugo Calderano tem ainda mais importância porque o Aberto do Qatar contou com a participação de 15 dos 16 melhores do ranking mundial. A chave do torneio era tão complicada que oito atletas da China, principal potência do tênis de mesa, participaram da competição.

A vitória sobre Harimoto foi também uma revanche para o brasileiro, derrotado pelo adversário, que na época tinha 14 anos, na semifinal do Aberto da República Tcheca do ano passado. Desta vez, no entanto, a história foi completamente diferente. Hugo Calderano soube se impor dominou completamente o jogo, fechando os três primeiros sets com autoridade: 11/5, 11/6 e 11/6.

Atordoado, Harimoto, que atualmente ocupa o 12º. lugar do ranking mundial, começou o quarto set cometendo muitos erros. Seguro e confiante, Hugo Calderano abriu 6 a 0 com tranquilidade e foi controlando a vantagem até chegar ao primeiro match point em 10 a 3.

A grande diferença e a proximidade da vitória desconcentraram um pouco o brasileiro e o japonês conseguiu quatro pontos seguidos, reduzindo o placar para 10 a 7. Hugo Calderano pediu tempo, deu uma respirada e voltou com tudo para fechar o jogo em 11 a 7 e conseguir a classificação histórica para a primeira semifinal de sua carreira em um torneio do nível Platinum.

Hugo Calderano, 15º. colocado do ranking mundial, volta a jogar ainda neste sábado. Vai enfrentar o chinês Lin Gaoyuan, quatro do mundo, a partir das 14h30. A partida terá transmissão ao vivo pelo site da ITTF. A outra semifinal acontece às 13h40 entre Fan Zhendong, número 2 do mundo e melhor chinês do ranking, contra o compatriota Xu Xin, que ocupa a quinta posição da lista.

O ano de 2018 tem sido muito positivo para Hugo Calderano. O brasileiro começou a temporada com a medalha de bronze no Aberto da Hungria, torneio em que só foi derrotado por Fan Zhendong na semifinal. Além disso, foi fudamental para a classificação do TTF Liebherr Ochsenhausen, clube que defende na Alemanha, para a semifinal da Champions League e para levar o Brasil a ficar pela primeira vez entre os oito melhores na Copa do Mundo de tênis de mesa. O objetivo do carioca de 21 anos na temporada é entrar para o seleto grupo dos 10 melhores do mundo na modalidade.

 

Mais em Tênis de Mesa