Siga o OTD

Bruno Fratus - Flanders Cup SetteColli

Tóquio 2020

Bruno Fratus antecipa seletiva e vai tentar índice nos Estados Unidos

Por causa do aumento de casos de covid-19, Bruno Fratus recebeu autorização da CBDA para tentar o índice na etapa de Mission Viejo do TYR Pro-Swim Series

Bruno Fratus antecipa seletiva e vai tentar índice nos Estados Unidos

A Seletiva Olímpica de natação está marcada para acontecer entre os dias 19 e 24 de abril, no Rio de Janeiro, mas Bruno Fratus recebeu a autorização da CBDA, por conta do aumento do número de casos de covid-19 no Brasil, para tentar o índice olímpico na etapa de Mission Viejo, na Califórnia, do TYR Pro-Swim Series, que será disputada a partir desta quinta-feira.

+ SIGA O OTD NO YOUTUBE, NO INSTAGRAM, NO FACEBOOK E NO TIKTOK

Bruno Fratus vai competir nas provas de 50 m e 100 m livre em Mission Viejo e precisa nadar abaixo de, respectivamente, 22s01 e 48s57 para conseguir o índice A para os Jogos Olímpicos. A vaga dele em Tóquio, no entanto, só estará 100% garantida se no máximo um atleta faça um tempo melhor que o dele em cada prova na seletiva olímpica nacional.

bruno fratus
Bruno Fratus exibe a medalha de prata nos 50 m livre do Mundial de Budapeste (Crédito: Satiro Sodré/SSPress/CBDA)

Por conta também da pandemia, a CBDA vai sar uma segunda chance a atletas que testarem positivo para o coronavírus e não possam disputar a seletiva nacional de natação. De acordo com comunicado feito pela entidade, sete atletas estão nesta situação e farão suas tomadas de tempo no dia 12 de junho no Parque Aquático Maria Lenk. Atualmente, o Brasil tem 199 atletas classificados para os Jogos Olímpicos de Tóquio, dos quais 12 são da natação nos revezamentos:  4x100m livre masculino (4 atletas), 4x200m livre masculino (4 atletas) e 4x100m medley maculino (4 atletas).

Mais em Tóquio 2020