Siga o OTD

Jogos Olímpicos de Inverno

Técnicos do curling coreano são banidos por assédio moral

Federação Coreana de Curling (KCF) aplicou a punição no ex vice-presidente e em dois treinadores que integraram a deleção da Coreia do Sul nos Jogos de Pyeongchang-2018

Técnicos do curling coreano são banidos por assédio moral (Instagram/pyeongchang2018)

Técnicos do curling coreano são banidos por assédio moral

A Federação Coreana de Curling (KCF) sancionou o ex-vice-presidente Kim Kyung-doo, sua filha Kim Min-jung e seu marido Jang Ban-seok após uma investigação sobre as alegações de assédio moral conduzidas pelo Ministério dos Esportes do país.

+Brasileira melhora seu tempo na Copa do Mundo de Skeleton

Kim Min-jung era a treinadora principal da equipe feminina de curling da Coreia na Olimpíada de Inverno de Pyeongchang-2018, evento no qual o país conquistou uma inesperada medalha de prata, enquanto que Jang era a treinadora do time de duplas mistas.

De acordo com o site “Inside the Games”, Ambos foram acusados de submeter os atletas a abusos fisiológicos e verbais e de tentar transformar a seleção nacional em um grande assunto de família.

+ SIGA O OTD NO YOUTUBE, NO INSTAGRAM E NO FACEBOOK

As acusações foram comprovadas pelo Ministério do Esporte em fevereiro de 2019, que rejeitou um apelo posterior da família Kim e ordenou que a KCF aplicasse uma punição “adequada”.

A KCF disse ainda que Kim Kyung-doo e seus familiares admitiram sua culpa por abusar de atletas, de acordo com a agência de notícias sul-coreana Yonhap.

A equipe feminina da Coreia do Sul, composta por Kim Eun-jung, Kim Yeong-mi, Kim Seon-yeong, Kim Kyeong-ae e Kim Cho-hee, ficou famosa após ganhar a primeira medalha olímpica de curling de seu país em Pyeongchang, apesar de não figurar entre as favoritas.

Receberam o apelido de “Garlic Girls” (Garotas de Alho), devido ao fato das cinco integrantes da equipe serem da cidade sul-coreana de Uiseong, famosa pela produção de alho (garlic, em inglês).

A Federação Coreana de Curling (KCF) sancionou o ex-vice-presidente e dois treinadores da equipe de curling da Coreia do Sul nos Jogos de Pyeongchang-2018,
Técnicos medalhistas da Coreia são banidos por assédio moral (Instagram/pyeongchang2018)


Mais em Jogos Olímpicos de Inverno