Siga o OTD

Tóquio 2020

Após COI, governo japonês crava Olimpíada ano que vem

Após vice-presidente do COI, foi a vez de ministra japonesa cravar que Jogos serão realizados de qualquer maneira em 2021

Olimpíada de Tóquio Tóquio-2020 - Jogos Paralímpicos - CPB - Hamamatsu
Abertura para Jogos Olímpicos de Tóquio acontecem no dia 23 de julho (Facebook/masa.takays)

Adiada para 2021 por conta a pandemia do coronavírus, a Olimpíada de Tóquio vai acontecer a qualquer custo no próximo ano. Quem garante isso é a ministra japonesa Seiko Hashimoto em entrevista coletiva concedida nesta terça-feira (8).

“Todos os envolvidos com os Jogos estão trabalhando juntos para se prepararem, e os atletas também estão fazendo esforços consideráveis para o ano que vem. Acho que temos que realizar os Jogos a qualquer preço. Quero concentrar todos os nossos esforços em medidas contra o coronavírus”, declarou, segundo a “Kyodo News”, Seiko Hashimoto, que comanda pasta designada para a realização dos Jogos.

+ Tóquio terá ‘Pride House’ para falar sobre direitos LGBTQ

Mesma linha

O tom do discurso feito pela ex-patinadora se alinha ao dado pelo vice-presidente do COI (Comitê Olímpico Internacional), John Coates, que declarou na segunda-feira (7), que a Olimpíada de Tóquio precisa acontecer com a pandemia controlada ou não.

“Será realizado com ou sem coronavírus. Os Jogos vão começar no dia 23 de julho do próximo ano. Seu tema seria os ‘Jogos de Reconstrução’ após a devastação do tsunami (em 2011), e agora serão os Jogos que venceram o coronavírus, a luz no fim do túnel”, disse o cartola australiano em entrevista concedida à “AFP”.

+ SIGA O OTD NO YOUTUBE, NO INSTAGRAM E NO FACEBOOK

“Acho que Coates se sente confortado pelo fato de que os Jogos de Tóquio podem ser organizados com uma coordenação ainda mais estreita de esforços contra o coronavírus”, concluiu Hashimoto.

Na última sexta-feira (4), o grupo criado pelo governo japonês para formular medidas para conter a pandemia se reuniu pela primeira vez para da início aos trabalhos. Contando com o auxílio do governo de Tóquio e do Comitê Organizador dos Jogos, a expectativa é de que este grupo se encontre em outras diversas ocasiões para planificar a Olimpíada de 2021 da maneira mais segura possível.

Mais em Tóquio 2020

viagra