Siga o OTD

Marcus D'Almeida e Ane Marcelle dos Santos fora da Copa do Mundo de tiro com arco da Guatemala

Tiro com Arco

Proibido de entrar na Guatemala, Brasil fica fora de etapa da Copa do Mundo

Por causa da pandemia, Brasil não poderá participar da etapa da Copa do Mundo de tiro com arco que começa nesta terça na Guatemala e também em maio na Suíça

Marcus D'Almeida e Ane Marcelle dos Santos terão a preparação para Tóquio prejudicada por causa da ausência em duas etapas da Copa do Mundo (World Archery)

Proibido de entrar na Guatemala, Brasil fica fora de etapa da Copa do Mundo

Na sexta-feira, Alejandro Giammattei, presidente da Guatemala, fez um discurso anunciando o fechamento da fronteiroa para pessoas vindas do Brasil, da África do Sul, da Grã Bretanha e da Irlanda do Norte por causa da pandemia do coronavírus. A decisão pegou de surpresa a seleção brasileira, que estava concentrada em Maricá, interior no Rio de Janeiro, na sede da Confederação (CBTarco), de malas prontas para viajar no dia seguinte e disputar a etapa da Copa do Mundo de tiro com arco, que começa nesta terça-feira, na capital do país da América Central.

+RECEBA NOTÍCIAS NO NOSSO CANAL NO TELEGRAM OU PARTICIPE DO NOSSO GRUPO DO WHATSAPP

O Brasil participaria da Copa do Mundo de tiro com arco com as equipes masculina e feminina do arco recurvo. Estavam prontos para viajar, Marcus D’Almeida e Ane Marcelle dos Santos, que estão classificados para os Jogos Olímpicos, além de Sarah Nikitin, Ana Luiza Caetano, Bernardo Oliveira e Marcelo Costa.

+ SIGA O OTD NO YOUTUBE, NO INSTAGRAM, NO FACEBOOK E NO TIKTOK

Para piorar, a CBTarco anunciou nesta segunda-feira que o Brasil vai ficar de fora também da etapa de Lausanne da Copa do Mundo de tiro com arco, marcada para acontecer entre 17 e 23 de maio, e do Ranking Series de Medellín (3 e 9 de maio) em razão de restrições de viagens para brasileiros por causa da pandemia do novo coronavírus.

A impossibilidade de disputar duas etapas de Copa do Mundo de tiro com arco prejudica muito a preparação dos atletas brasileiros para os Jogos Olímpicos. Marcus D’Almeida conquistou a vaga com a medalha de prata nos Jogos Pan-Americanos, enquanto Ane Marcelle foi campeã do Pré-Olímpico das Américas no mês passado. Além das competições individuais, os dois vão participar juntos da dupla mista, que estreia no programa dos Jogos em Tóquio.

Mais em Tiro com Arco