Siga o OTD

Tóquio 2020 Tênis luisa stefani marcelo melo eliminados

Tóquio 2020

Brasileiros conhecem os adversários na primeira rodada da Olimpíada

Melo e Demoliner enfrentam os cabeças de chave nº1 nas duplas em Tóquio 2020. Stefani/Pigossi enfrenta canadenses, Monteiro encara alemão e Menezes croata

Brasileiros conhecem os adversários na primeira rodada da Olimpíada

Os caminhos para a medalha olímpica no tênis já estão traçados. Na madrugada desta quinta-feira (22), a Federação Internacional de Tênis divulgou o chaveamento para o torneio de Tóquio 2020, em que o Brasil é representado por seis atletas na modalidade.

Número #1 do Brasil e #95 na ATP, Thiago Monteiro irá estrear contra o alemão Jan-Lennard Struff, #48. Os dois já se enfrentaram em três ocasiões, todas no saibro, com dois triunfos do cearense e um do europeu. O vencedor deste duelo deve enfrentar logo na segunda rodada o número 1 do mundo, Novak Djokovic, que estreia contra o boliviano Hugo Dellien nos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020.

-Resumo desta quarta dos Jogos Olímpicos no Tóquio Todo Dia

O mineiro João Menezes (#217) foi sorteado para enfrentar o croata Marin Cilic (#36), vencedor do US Open de 2014. Quem avançar terá pela frente o espanhol Pablo Carreno Busta (#11) ou o norte-americano Tennys Sandgren (#81).

Caminho das duplas

Na chave de duplas, o sorteio reservou um grande desafio para os brasileiros logo na estreia nos Jogos Olímpicos de Tòquio 2020. Marcelo Melo (#18) e Marcelo Demoliner (#52) enfrentam os cabeças de chave número 1, os croatas Nikola Mektic/Mate Pavic. No feminino, Luisa Stefani (#23) e Laura Pigossi (#189) duelam com as canadenses Gabriela Dabrowski/Sharon Fichman.

+RECEBA NOTÍCIAS NO NOSSO CANAL NO TELEGRAM OU PARTICIPE DO NOSSO GRUPO DO WHATSAPP

“Todo mundo treinou muito bem nesta semana e está preparado da melhor maneira possível para os jogos. Estamos nos Jogos Olímpicos, que é um torneio de nível de Grand Slam, então já sabíamos que não teria jogo fácil”, analisa o treinador Jaime Oncins. “Na minha avaliação, é melhor enfrentar esses principais cabeças de chave logo na estreia do que na terceira ou quarta rodada, quando fica ainda mais difícil superá-los”, complementa o capitão.

+ SIGA O OTD NO YOUTUBE, NO INSTAGRAM, NO FACEBOOK E NO TIKTOK

Nas duplas mistas de Tóquio 2020, o Brasil fará a sua inscrição com a parceria formada por Marcelo Melo e Luisa Stefani. No entanto, a confirmação da participação será definida apenas nos próximos dias.

Mais em Tóquio 2020