Siga o OTD

Jogos Olímpicos de Inverno

Atleta do bobsled será o porta-bandeira do Brasil

Christian Dawes/COB

Atleta do bobsled será o porta-bandeira do Brasil

Nos Jogos Olímpicos de Inverno de Pyeongchang, o baiano Edson Bindalatti, do bobsled, foi o escolhido para ser o porta-bandeira do Brasil.

Em sua quarta participação nos Jogos Olímpicos de Inverno, o baiano Edson Bindalatti, do bobsled, foi o escolhido para ser o porta-bandeira da delegação brasileira na cerimônia de abertura dos Jogos de Pyeongchang, que será realizada na sexta-feira a partir das 9h da manhã no horário de Brasília. O anúncio foi realizado nesta segunda-feira, durante as boas-vindas à equipe verde e amarela na Vila, pelo chefe de missão do Brasil, Stefano Arnhold. O evento contou com a presença do presidente do Comitê Olímpico Brasileiro (COB), Paulo Wanderley. A Cerimônia de Abertura será realizada às 9h (horário de Brasília) desta sexta-feira, no Estádio Olímpico de PyeongChang, na Coreia do Sul.

Membro da primeira equipe brasileira da modalidade e disputar uma edição dos Jogos de Inverno, em Salt Lake City 2002, o atleta mostrou-se surpreso com a escolha. Bidilatti também participou de Turim 2006 e Sochi 2014. “O atleta é mais um símbolo dos esportes de inverno no Brasil e merece a honraria de desfilar com a bandeira brasileira na abertura dos Jogos Olímpicos”, afirmou Arnhold.

Oriundo do decatlo, Edson será, nesta edição, o piloto das duas equipes de bobsled do país (2-man e 4-man). Surpreso com o anúncio, o atleta comemorou com toda a delegação brasileira e relembrou seu início na modalidade. “Me lembro de tudo o que passei lutando para que o bobsled não morresse no nosso país até chegar a esse momento, quando classificamos pela primeira vez uma equipe no 2-man. Com essa homenagem, fica ainda mais claro que tudo valeu a pena. É um sonho, sempre quis carregar a bandeira do meu país.

Nem o frio sul-coreano é capaz de assustar o natural de Camamu no desfile de abertura. “Com a emoção de uma cerimônia de abertura, com milhões de pessoas me vendo, tenho certeza de que não vou sentir frio de jeito nenhum”. Além de Bindilatti, a equipe brasileira de bobsled conta com: Odirlei Pessoni, Rafael Souza, Edson Martins e o reserva Erick Vianna. As provas da modalidade ocorrem nos dias 18 e 19 (2-man) e 23 e 24 (4-man).

Mais em Jogos Olímpicos de Inverno