Siga o OTD

Douglas Brose - Pré-Olímpico de caratê

Tóquio 2020

Douglas Brose cai nas oitavas no Pré-Olímpico de caratê

Bicampeão mundial luta em categoria acima e acaba derrotado nas oitavas; Brasil segue sem representante no caratê em Tóquio

(arquivo)

Douglas Brose cai nas oitavas no Pré-Olímpico de caratê

Neste sábado (12), mais três atletas brasileiros entraram em disputa no Pré-Olímpico Mundial de caratê, em Paris, na França. Douglas Brose (75kg) e Stéphani Trevisan (61kg) pararam nas oitavas de final de suas respectivas categorias, enquanto Dyun Kimura encerrou a sua participação na segunda fase da competição.

Bicampeão mundial na categoria até 60kg, que não é olímpica, Douglas Brose buscou a sua vaga olímpica na categoria 75kg. O carateca começou bem a sua trajetória no torneio com vitórias diante do sérvio Ljubisa Maric e o estadunidense Thomas Scott, medalhista de ouro nos Jogos Pan-Americanos de Lima.

+ Bia Souza e Maria Suelen conquistam o bronze no Mundial de judô

No entanto, Brose acabou caindo em sua terceira luta após ter sido derrotado pelo jordânio Bashar Alnajjar. Mesmo com a derrota, o brasileiro seguia com chances de classificação caso o seu rival avançasse até à decisão da categoria. Porém, o jordânio acabou caindo na semifinal e impediu a participação do atleta na repescagem.

Outra derrotada nas oitavas de final foi Stephani Trevisan. Disputando o kumitê até 61kg, a carateca brasileira começou o evento vencendo a finlandesa Monica Kauppi e a argelina Chaima Midi. Nas oitavas, a brasileira foi superada pela francesa Leila Heurtault, que foi eliminada na fase seguinte e impediu a chance de Stephani brigar na repescagem.

+ SIGA O OTD NO YOUTUBETWITTERINSTAGRAM E FACEBOOK

O Brasil ainda contou com a participação de Dyun Kimura, na disputa do kata masculino. O atleta acabou caindo na segundo rodada após ter somado 23.78 (16.52 + 7.26), ficando de fora dos classificados para a próxima fase.

Com os resultados dos dois primeiros dias de competição, o Brasil segue sem ter um representante no caratê confirmado nas disputas dos Jogos Olímpicos de Tóquio. Vale lembrar que no primeiro dia de competições, Vinicius Figueira foi eliminado nas quartas de final, enquanto Valéria Kumizaki caiu nas oitavas.

Mais em Tóquio 2020