Siga o OTD

Atletismo brasileiro - Tóquio

Tóquio 2020

Atletismo brasileiro já treina no Japão para a estreia nos Jogos Olímpicos

Maior parte da delegação já está na cidade de Saitama, uma das bases de treinamento para os Jogos Olímpicos de Tóquio

(Wander Roberto/COB)

Atletismo brasileiro já treina no Japão para a estreia nos Jogos Olímpicos

Depois de uma longa viagem desde várias partes do mundo, a equipe olímpica do atletismo brasileiro já está no Japão. Mais precisamente, os atletas estão na cidade de Saitama, onde estão sendo feitos os últimos treinamentos e a aclimatação para os Jogos Olímpicos de Tóquio, que tem cerimônia de abertura nesta sexta-feira (23). O torneio do atletismo começa na noite do dia 29 de julho, no horário de Brasília.

Saitama é uma das oito bases de apoio à preparação final dos atletas antes dos Jogos e fica a pouco mais de 32 km da Vila Olímpica de Tóquio. A delegação realizou, nesta segunda-feira (19), o primeiro treinamento numa pista pública, disponibilizada para os brasileiros.

+Pranchas atrasam e Ítalo Ferreira e Silvana Lima dão rolê pela Vila Olímpica

“Chegar finalmente aos Jogos Olímpicos é a realização de um sonho. Parte de um sonho, porque para ele ser completo tem que ser com a medalha. Poder estar aqui entre os melhores do mundo é inacreditável para mim. Sempre foi o meu objetivo desde que comecei. E agora o meu maior sonho é voltar com a medalha”, afirmou o velocista Rodrigo Nascimento, que guarda lembranças muito especiais da primeira passagem por Saitama.

+ SIGA O OTD NO YOUTUBETWITTERINSTAGRAMTIK TOK E FACEBOOK

“Já estive aqui treinando para o Mundial de Revezamentos de 2019 e conseguimos uma medalha de ouro no 4x100m. Só guardo sentimentos positivos daqueles momentos e agora quero voltar da mesma forma, com mais uma medalha de ouro para o atletismo”, relembrou Rodrigo.

A partir desta terça-feira (20), os treinos do atletismo brasileiro acontecem em dois períodos. Em poucos dias, os maratonistas e os marchadores seguem para Sapporo, a 800 km de Tóquio, onde serão disputadas as provas. Por fim, a equipe está seguindo protocolos rigorosos de controle da pandemia.

Mais em Tóquio 2020