Siga o OTD

O Vôlei Renata visitou o Sesi-SP neste domingo (17) e aumentou sua sequência invicta para oito jogos na temporada 20/21. Com mais um desempenho sólido, o time de Campinas ganhou por 3 sets a 0, parciais de 25/20, 25/20 e 25/16), no ginásio da Vila Leopoldina, em São Paulo, pela terceira rodada da Superliga masculina 2020/21. O líbero Bruno Bello foi eleito o melhor em quadra e recebeu o troféu VivaVôlei.

Vôlei

Campinas supera o Sesi-SP e vence a 8ª seguida na temporada

O Vôlei Renata aumentou sua sequência invicta na temporada 20/21. O time campineiro ganhou por 3 sets a 0, parciais de 25/20, 25/20 e 25/16

O Vôlei Renata não encontrou dificuldades para bater o Sesi-SP (Amanda Demétrio/Sesi-SP)

Campinas supera o Sesi-SP e vence a 8ª seguida na temporada

O Vôlei Renata visitou o Sesi-SP neste domingo (17) e aumentou sua sequência invicta para oito jogos na temporada 20/21. Com mais um desempenho sólido, o time de Campinas ganhou por 3 sets a 0, parciais de 25/20, 25/20 e 25/16), no ginásio da Vila Leopoldina, em São Paulo, pela terceira rodada da Superliga masculina 2020/21. O líbero Bruno Bello foi eleito o melhor em quadra e recebeu o troféu VivaVôlei.

Com o placar favorável, o Vôlei Renata permanece entre os três melhores da Superliga, com 34 pontos, exatamente na terceira posição. Os comandados do técnico Horácio Dileo disputaram 14 partidas no campeonato e venceram 12. O próximo compromisso da equipe de Campinas será contra o Sada Cruzeiro, líder da competição, no sábado (23), às 21h30, no ginásio do Taquaral, em Campinas.

+ Lucarelli, Leal e Éder vencem em dia com 45 brasileiros em ação

“Viemos de dois jogos difíceis que nos fizeram aprender bastante coisa para o duelo de hoje. Não perdemos a concentração do começo ao fim. Conseguimos colocar o plano de jogo em prática, marcando bem e anulamos os principais atacantes deles. A partir daí, aproveitamos as chances, os breakpoints e fomos buscar mais uma vitória”, analisou o central Michel, maior pontuador do duelo, com 13 acertos.

Além dele, o Vôlei Renata contou com as boas atuações do oposto Leandro Vissotto, com 12 acertos, e do ponteiro Vaccari, de volta após cumprir período de quarentena por causa do coronavírus, com 10. Do lado do Sesi-SP, os destaques contra o Campinas foram os ponteiros Alan Patrick e Alan Maciel, ambos com sete pontos. O time dirigido pelo técnico Marcelo Negrão está em décimo na Superliga, com 12 pontos: quatro vitórias em 13 jogos.

Detalhes do jogo

Michel começou a partida impondo ritmo forte no saque e logo deu a vantagem para o Vôlei Renata no início do primeiro set após ace (5 a 3). Com a vantagem, o time de Campinas mostrou consistência no sistema saque-bloqueio, forçou erros do Sesi-SP, e comandou o placar na sequência da parcial. Na reta final, o serviço voltou a fazer a diferença. Vissotto anotou outro ace para consolidar a liderança (21 a 16). Em bloqueio de Vaccari, os visitantes fecharam: 25 a 20.

+ Cruzeiro se vinga do Minas em dia com mais 2 jogos da Superliga

Depois de um começo forte do Sesi-SP, o Vôlei Renata teve que buscar a reação no início da segunda parcial. Não demorou para Vaccari deixar tudo igual (6 a 6) em contra-ataque. Na sequência, o Campinas embalou e assumiu o controle. Com Renan no saque, os visitantes emplacaram boa sequência, primeiro contra-atacando com Michel, depois bloqueando com Vaccari (15 a 13).

Domínio do início ao fim

A equipe campineira segurou o ímpeto do rival e seguiu aproveitando as oportunidades que o sistema defensivo proporcionava. Foi assim com Vissotto em momento decisivo em ataque explorando o bloqueio (20 a 16). Após erro paulistano, o Vôlei Renata abriu 2 a 0: 25 a 20. O time de Campinas voltou para o terceiro set sem dar chance ao Sesi-SP, impondo ritmo forte na defesa e aproveitando as oportunidades no contra-ataque.

Com Vaccari inspirado na entrada de rede, o time de Campinas logo saiu na frente do placar (8 a 4). Os visitantes não deram chance ao ataque adversário. Barreto, pelo meio, bloqueou e ampliou a vantagem (12 a 5). Sem deixar a intensidade cair, o Vôlei Renata mandou na parcial e fechou em bola de xeque de Michel, principal destaque da partida contra o Sesi-SP: 25 a 16.

+ SIGA O OTD NO YOUTUBE, NO INSTAGRAM E NO FACEBOOK

Use o cupom OTD10 para comprar o pay per view da Superliga com 10% de desconto. Clique aqui.

A disputa

A CBV (Confederação Brasileira de Voleibol) divulgou a tabela da Superliga de vôlei masculino 2020/2021. A Superliga masculina teve início no dia 31 de outubro e conta com 12 equipes participantes.

A competição masculina contará com Apan/Eleva/Blumenau (SC), Minas Tênis Clube (MG), Vôlei UM Itapetininga (SP), Montes Claros América Vôlei (MG), Caramuru Vôlei (PR), Sada Cruzeiro (MG), EMS Taubaté Funvic (SP), Sesi-SP, Azulim/Gabarito/Uberlândia (MG), Vedacit Vôlei Guarulhos (SP), Pacaembu Ribeirão (SP) e Vôlei Renata (SP).

+ SIGA O OTD NO YOUTUBE, NO INSTAGRAM E NO FACEBOOK

Vale lembrar que em ambos os naipes neste ano os duelos de quartas de final, semifinais e finais serão todos disputados em série melhor de três. As finais da competição feminina estão programadas para os dias 9, 13 e 16 de abril.

Mais em Vôlei