Siga o OTD

O Vakifbank, equipe de Gabi, venceu seus três primeiros jogos na edição 2020/21 da Champions League feminina de vôlei. Nesta semana, a ponteira da seleção brasileira e suas companheiras ganharam, na sequência, de ŁKS Commercecon ŁÓDŹ, da Polônia, Mulhouse, da França, e, nesta quinta-feira (26), bateram o Maritsa Plovdiv, da Bulgária, por 3 sets a 1, parciais de 25/9, 25/10, 23/25 e 25/16, em 1h26min de jogo

Vôlei

Vakifbank, de Gabi, vence a terceira no Grupo C da Champions

A equipe da ponteira brasileira derrotou o Maritsa Plovdiv, da Bulgária, nesta quinta-feira (26), e lidera a chave com nove pontos e 100% de aproveitamento

Gabi conversa com o técnico Giovanni Guidetti (CEV/Divulgação)

Vakifbank, de Gabi, vence a terceira no Grupo C da Champions

O Vakifbank, equipe de Gabi, venceu seus três primeiros jogos na edição 2020/21 da Champions League feminina de vôlei. Nesta semana, a ponteira da seleção brasileira e suas companheiras ganharam, na sequência, de ŁKS Commercecon ŁÓDŹ, da Polônia, Mulhouse, da França, e, nesta quinta-feira (26), bateram o Maritsa Plovdiv, da Bulgária, por 3 sets a 1, parciais de 25/9, 25/10, 23/25 e 25/16, em 1h26min de jogo.

+ Saem novas datas de jogos da Superliga adiados por coronavírus

Gabi começou o duelo diante da equipe búlgara como titular. No entanto, foi preservada pelo técnico italiano Giovanni Guidetti na segunda parcial, mas voltou na terceira para tentar evitar o revés do Vakifbank no set. Na quarta e decisiva série, a brasileira retornou entre as titulares. No tempo que ficou em quadra, a brasileira anotou dez pontos, sendo nove em ataques ou contra-ataques e um de bloqueio.

+ Trio comanda na pontuação e Minas volta a vencer na Superliga

A oposto Isabelle Haak, parceira de time de Gabi, foi a maior pontuadora do jogo, com 21 pontos. A sueca fez 16 em ações ofensivas, três com o paredão e dois aces. Com três vitórias em três partidas, o Vakifbank, da Turquia, lidera o Grupo C da Champions League feminina, com nove pontos. Os quatro times da chave voltam a se enfrentar pela principal competição europeia entre os dias 2 e 4 de fevereiro de 2021, em Lódz, na Polônia.

Gabi e suas companheiras do Vakifbank estão invictas na Champions League de vôlei (CEV/Divulgação)

Brasileira eliminada da Copa Europeia

Com duas derrotas para o Galatasaray, da Turquia, o clube ucraniano Khimik Yuzhny, da brasileira Thaynara Roxo, foi eliminado na fase 16 avos de final da Copa Europeia de vôlei feminino. Na partida de ida, na Ucrânia, a ponteira e suas colegas perderam para o time turco, por 3 sets a 0, parciais de 25/17, 25/18 e 25/19. Na ocasião, a jogadora atuou nas duas primeiras parciais de não pontuou.

+ SIGA O OTD NO YOUTUBE, NO INSTAGRAM E NO FACEBOOK

Na segunda partida, disputada nesta quinta, Thaynara Roxo, de 29 anos, iniciou no banco de reservas e foi titular somente no terceiro e quarto sets. Assim como na ida, o Khimik Yuzhny foi superado novamente pelo Galatasaray, mas, desta vez, em Istambul, na Turquia. O time da ponteira brasileira perdeu por 3 a 1, séries de 25/21, 22/25, 25/20 e 27/25. A jogadora nascida no Brasil fez seis pontos, todos em ações ofensivas.

Thaynara Roxo, camisa 2 do Khimik Yuzhny, marcando um de seus seis pontos em ações ofensivas (CEV/Divulgação)

Mais em Vôlei