Siga o OTD

Laura Pigossi está na final de duplas do ITF de Montreux

Tênis

Brasil termina o dia na Colômbia com duas finais e 5 semifinais garantidas

Laura Pigossi, Gilbert Kiler e João Lucas Reis da Silva se garantiram nas finais de de duplas e semifinais na chave de simples no ITF de Medellin

Twitter: Laura Pigossi

Brasil termina o dia na Colômbia com duas finais e 5 semifinais garantidas

Sextou bonito para o Brasil na Colômbia. No ITF de Medellin, torneio recheado de brasileiros que acontece na cidade colombiana, o país teve um outro dia espetacular e terminou com três duplas finalistas e mais cinco atletas nas semifinais na chave de simples masculina e feminina.

Três semifinalistas entre os homens e título 100% brasileiro nas duplas

A ação no ITF de Medellin começou com as disputas das quartas de final da chave de simples masculina. José Pereira, Pedro Sakamoto, Gilbert Kiler e João Lucas Reis da Silva tentavam fazer uma semifinal 100% brasileira e por pouco não conseguiram.

Sakamoto (cabeça de chave número 1), João Lucas (cabeça de chave número 2) e Gilbert (cabeça de chave número 3) conseguiram vitórias, mas José Pereira acabou derrotado pelo mexicano Gerardo Villasenor – por 2 sets a 1, de virada. Sakamoto agora enfrentará Gilbert em uma semifinal. Na outra, João Lucas encara o mexicano, tentando vingar José Pereira.

+ SIGA O OTD NO YOUTUBE, NO INSTAGRAM E NO FACEBOOK

Mais tarde, todos os tenistas voltaram às quadras para se enfrentar nas semifinais de duplas, com brasileiros presentes entre as quatro parcerias. Cabeças de chave número 1, Gilbert Kiler e João Lucas venceram a parceria formada por Sakamoto e o americano Adam El Mihdawy por 2 sets a 0. Na outra semifinal, Pedro Bocardin Dias e Gustavo Hefer bateram José Pereira e seu Gerardo Villasenor, seu algoz na chave de simples, de virada por 2 sets a 1.

Laura Pigossi na final das duplas e na semi em simples

Assim como ocorreu ontem, Laura Pigossi venceu tanto na chave de simples quanto na chave de duplas no torneio feminino. Thalita, por sua vez, chegou à semi individual, mas acabou superada nas duplas, evitando que o título fique com o Brasil, assim como ocorreu no masculino.

Laura bateu a colombiana Maria Garcia por 2 sets a 0 com um duplo 6/1  após 1h07min de duração e vai brigar por vaga na final contra a sexta favorita, a equatoriana Mell Reasco, ou a qualifier eslovaca Alica Rusova.

“Consegui me impor do início ao final do jogo . Eu já conhecia bastante minha adversária, jogávamos juniors juntas, mesmos torneios. Então eu tinha bem claro taticamente como jogar. Ela usa bastante o meu peso de bola então optei por variar mais o jogo e funcionou bem”, disse Laura, cabeça de chave número 1 do torneio.

Cabeça de chave número 3, Thaissa Pedretti bateu a alemã Jasmin Jebaway por 2 sets a 0, com parciais de 6/3 e 6/2. Agora, a brasileira enfrentará a colombiana Emiliana Arango, segunda melhor ranqueada no ITF de Medellin.

Nas duplas, Laura e Thaissa começaram as suas partidas praticamente juntas, no final da tarde do horário de Brasília. Pigossi foi a primeira a triunfar. Ao lado da colombiana Maria Gonzalez, venceu a parceria formada por Emiliana Arango (Colômbia) e Sofia Sewing (EUA) por 2 sets a 0, parciais de 6/4 e 6/4.

Contra a mexicana Victoria Rodriguez e a americana Rasheeda Mcdoo, as cabeças de chave número 1, Thaissa Pedretti não conseguiu se impor ao lado da americana Amy Zhu e foi derrotada por 2 sets a 1, com parciais de 5/7 e 7/6 e 10/6.

No ITF de Medellin, torneio recheado de brasileiros na Colômbia. o Brasil teve um dia incríve nessa quinta-feira (16)l e colocou 7 tenistas nas quartas
(Em dia incrível em Medellin, Brasil sai com 12 vitórias em 13 partidas disputadas (divulgação)

Mais em Tênis