Siga o OTD

Tóquio 2020

Netinho conquista primeira vaga do taekwondo para Tóquio

Depois de se garantir na final do Pré-Olímpico, Edival “Netinho” Marques conquistou a primeira vaga do taekwondo brasileiro na Olimpíada de Tóquio

Netinho conquista primeira vaga do taekwondo para Tóquio

O taekwondo brasileiro vai para Tóquio! Nesta quarta-feira (11), Edival Marques, o Netinho, chegou até a final do torneio Pré-Olímpico Pan-Americano realizado em Heredia, na Costa Rica, e garantiu a primeira vaga do taekwondo nos Jogos de Tóquio-2020.

Para conquistar a vaga, Netinho precisou vencer três lutas. No primeiro confronto, pelas oitavas de final da categoria até 68 kg, o brasileiro encarou o paraguaio Caros Gimenez e atropelou o adversário, vencendo por 30 a 6.

+INSCREVA-SE EM NOSSO CANAL NO YOUTUBE

Na segunda luta, outra boa atuação. Contra o uruguaio Federico Gonzalez, Netinho venceu por 22 a 6 e ficou a uma luta da vaga olímpica.

Na semifinal, o brasileiro encarou o canadense Andrew Park e venceu uma luta disputada por 30 a 19.

O brasileiro começou melhor, vencendo o primeiro round por 5 a 3. No início do segundo round, o canadense empatou em 5 a 5. Na sequência, Netinho voltou à frente (5×7). Mas Park deixou tudo igual mais uma vez e conseguiu ultrapassar o placar em 11 a 8. O brasileiro brigou no fim do round, mas o canadense fechou em 13 a 10.

Netinho comemora a vaga com a comissão técnica (Foto: Divulgação/CBTKD)

No último round, Netinho diminuiu para 13 a 12 e, com golpes rápidos, virou para 17 a 15. Com um soco, o brasileiro aumentou a vantagem para 18 a 15. Nos últimos segundos, Netinho conseguiu bons pontos e conseguiu ampliar o placar para 24 a 18. Por uma decisão da arbitragem, o canadense perdeu pontos por segurada e o marcador voltou para 24 a 15. Nos últimos segundos, Netinho conseguiu administrar as ações do adversário, fechou a luta em 30 a 19 e se garantiu nos Jogos de Tóquio.

Mais chances de vagas

O Brasil pode conquistar mais três vagas no Pré-Olímpico da Costa Rica na próxima quinta-feira (12). Talisca Reis, na categoria até 49kg, Milena Titoneli, até 67kg, e Ícaro Martins, até 80kg, tentam chegar até a final de suas chaves para garantirem a classificação para Tóquio.

Mais em Tóquio 2020