Siga o OTD

Saltos Ornamentais

Ingrid Oliveira conquista a medalha de bronze no Grand Prix de Porto Rico

Em sua primeira competição internacional na temporada, Ingrid Oliveira subiu no pódio. A brasileira conquistou a medalha de bronze na plataforma de 10m no Grand Prix de Porto Rio de saltos ornamentais. Ela somou na final 275,35 pontos, ficando atrás apenas da chinesa Xin Liu (340,60) e da francesa Laura Marino (283,70).

“Estou feliz pelo resultado, mas sei que ainda tenho bastante para melhorar, nos saltos novos e nos outros, para serem mais constantes. Achei que saltei bem, já na eliminatória. Estava um pouco insegura, por ter um salto novo no programa de prova. Nas eliminatórias, não saltei tão bem, mas estava um pouco cansada, da competição de manhã. Mas, consegui passar em primeiro. Na final, dei alguns “moles” em saltos que eu faço bem, acabei cometendo erros. Acho que competi bem e estou satisfeita com os resultados”, comentou Ingrid Oliveira.

O Grand Prix de Porto Rico de saltos ornamentais começou na quinta-feira com a disputa da fase classificatória. Com 299,65 pontos, Ingrid Oliveira ficou em quinto lugar para se garantir na semifinal. Giovanna Pedroso, que somou 245,80, ficou em nono lugar, mas também avançou para a etapa seguinte.

Na semifinal, as duas brasileiras ficaram no Grupo B. Ingrid Oliveira fez 283,25 e garantiu a vaga para a final na primeira colocação da chave. Já Giovanna Pedroso ficou em quarto lugar com 272,90 e apenas as três primeiras colocadas se classificavam. Ela ficou de fora por apenas 0,55, que foi a diferença dela para a francesa Laura Marino, que ficou em terceiro.

No geral, Ingrid Oliveira teve o quarto melhor desempenho da semifinal, ficando atrás das chinesas Xin Liu e Rui Zhang e de Freida Lim, de Cingapura, que competiram pelo Grupo A. Mas na decisão, a brasileira deixou Rui Zhang, que fez 251,20, para trás para ficar com a medalha de bronze.

Quem também participou do Grand Prix de Porto Rico de saltos ornamentais foi Luana Lira. No trampolim de 3m, ela ficou em nono lugar na fase classificatória com 234,55 pontos. Na semifinal, as 12 classificadas foram divididas em dois grupos. A brasileira ficou no B, mas não conseguiu ficar entre as três melhores para ir à final. Ela terminou em quarto com 265 pontos, apenas 0,95 atrás da japonesa Rin Kaneto, que foi a última a se classificar.

Mais em Saltos Ornamentais