Siga o OTD

brasil geórgia pré-olímpico de polo aquático

Tóquio 2020

Brasil perde da Geórgia e se despede do Pré-Olímpico de polo aquático

Seleção brasileira é eliminada do Pré-Olímpico com derrota para a Geórgia e não tem mais chances de ir a Tóquio

Brasil perde da Geórgia e se despede do Pré-Olímpico de polo aquático

Assim como aconteceu contra Canadá, Grécia e Montenegro, o Brasil foi derrotado pela Geórgia nesta quarta-feira e de despediu do Pré-Olímpico de polo aquático, disputado em Roterdã, na Holanda, na última colocação do Grupo A, sem vencer nenhum jogo sequer.

O Brasil teria mais um jogo nesta quinta, mas a Turquia foi eliminada antes mesmo do torneio começar por causa de um surto de covid-19 no elenco que disputaria o Pré-Olímpico. Com isso, a equipe brasileira foi a única a não vencer no Grupo A e também a única a não se classificar, já que os quatro primeiros colocados de cada chave avançam para as quartas de final.

Na partida desta quinta-feira, o Brasil conseguiu manter o equilíbrio durante boa parte do primeiro quarto. Vapenski fez 1 a 0 para a Geórgia, mas Rafa Real empatou. No minuto final, no entanto, a equipe europeia marcou duas vezes com Jelaca e Shushiashvili e fez 3 a 1.

+ SIGA O OTD NO YOUTUBE, NO INSTAGRAM E NO FACEBOOK

O segundo quarto foi parecido com o primeiro. Shushiashvili fez 4 a 1, mas Rafa Real logo descontou. Mas a Geórgia marcou mais duas vezes com Elez e Baraldi para fazer 6 a 2.

No terceiro, a Geórgia fez dois gols com Elez e Imnashvili, enquanto Rudá marcou para o Brasil e o placar ficou em 8 a 3. No último período, os dois times trocaram muitos gols e a seleção brasileira conseguiu fazer cinco e levar quatro.

Foi o único quarto do jogo em que o Brasil teve vantagem sobre a Geórgia. Roberto Freitas, Grummy (2) e Bernardo Gomes (2) fizeram para o lado brasileiro, enquanto Baraldi, Shushiashvili, Jakhaia e Vapenski marcaram para o adversário.

Quando faltavam 4min39 para o fim do jogo, o Brasil chegou a reduzir a vantagem da Geórgia para três gols em 10 a 7, mas não conseguiu seguir a reação para mudar o resultado e foi mesmo derrotado por 12 a 8.

Mais em Tóquio 2020