Siga o OTD

Os Olímpicos

Noruega leva mais dois ouros nos Mundiais de inverno

Somando apenas os Mundiais de Biatlo e Esqui Alpino, Noruega chega a nove ouros, todos em provas olímpicas

Noruega leva mais dois ouros nos Mundiais de inverno

Neste domingo chegaram ao fim os Mundiais de Biatlo, em Pokljuka, na Eslovênia, e o de Esqui Alpino, em Cortina d’Ampezzo, na Itália.

O de biatlo termina com as emocionantes provas de saída em massa. Nos 12,5km femininos, a vitória foi da austríaca Lisa Theresa Hauser, única que zerou todos os tiros, com o tempo de 36:05.7. Ela vem fazendo uma ótima temporada coroando com a vitória nesta prova. Na última sessão de tiros, Hauser teve a companhia da letã Baiba Bendika, que não conseguiu segurar a pressão e errou dois tiros, para terminar em 9º. A equipe norueguesa aproveitou o erro e foi pra disputa das outras medalhas. Ingrid Landmark Trandevold ficou com a prata a 21.7 (1 erro) e Tiril Eckhoff passou no finzinho Marte Olsbu Roiseland para ficar com o bronze a 23.0 da campeã (3 erros). Eckhoff fecha o Mundial com 6 medalhas, sendo 4 ouros, 1 prata e 1 bronze.

IBU/Reprodução

Já na prova masculina de 15km, show do norueguês Sturla Holm Laegreid. Ele zerou as três primeiras sessões e foi abrindo boa vantagem, aproveitando mais um dia ruim de Johannes Thingnes Boe (5 erros no total) e de uma desastrosa segunda sessão de tiros do francês Émilien Jacquelin, que conseguiu errar os 5 tiros! Laegreid errou um tiro na última série, mas com a boa vantagem, completou com o tempo de 36:27.2 para faturar seu 4º ouro em Pokljuka. O austríaco Simon Eder e o esloveno Jakov Fak estavam logo atrás do Laegreid, brigando pela prata, mas também erraram um tiro na última série. Só que o norueguês Johannes Dale e o francês Quentin Fillon Maillet zeraram e encostaram na dupla, e logo os ultrapassaram. Na disputa da prata, melhor pro Dale, a 10.2 de Laegreid, enquanto Fillon Maillet foi bronze a 12.8 do vencedor.

A última prova do Mundial de Esqui Alpino foi o slalom masculino, pela primeira vez sem a presença de Marcel Hirscher, que se aposentou. O mais rápido na primeira descida foi o austríaco Adrian Pertl com 52.24, seguido do italiano Alex Vinatzer com 52.38 e do norueguês Sebastian Foss-Solevaag com 52.40. Na 2ª descida, o norueguês Henrik Kristoffersen assumiu a liderança com 1:46.94. Na sequência, o francês Clément Noël, 5º na 1ª descida, errou e perdeu muito tempo, caindo para 21º. O sueco Kristoffer Jakobsen também errou e foi eliminado. Em seguida veio Foss-Solevaag, que fez a melhor 2ª descida da prova (54.08) e virou novo líder com 1:46.48. Vinatzer fez 1:47.68 e estava em 3º lugar, restando apenas o austríaco Pertl. Ele fez um boa prova com 54.45, somando 1:46.69 e pegando a prata, jogando Kristoffersen pro bronze. Foss-Solevaag tem apenas um vitória na carreira em Copas do Mundo, conquistada agora em janeiro, se tornando o primeiro norueguês campeão mundial no slalom desde 1997.

Já foram disputadas 50 provas olímpicas este ano nos Mundiais do inverno e a Noruega é a grande líder deste quadro de medalhas. Nesta semana começa o Mundial de Esqui Nórdico em Oberstdorf, na Alemanha, e a Noruega deve seguir brilhando. O top-10 é:

OuroPrataBronzeTotal
Noruega92516
Países Baixos76518
Alemanha613726
Áustria65314
Estados Unidos5229
Suécia44210
Suíça42410
Rússia24915
França24612

Estão contabilizados os Mundiais de esqui alpino, biatlo, bobsled, skeleton, luge, patinação de velocidade, ski cross e snowboard cross.

Mais em Os Olímpicos