Siga o OTD

Laguna Olímpico

Execução de jogadora de vôlei mostra que o terror venceu no Afeganistão

Segundo jornal, Talibã degolou uma atleta da seleção juvenil, aumentando ainda mais a insegurança no esporte feminino do país

Mahjabin Hakimi Afeganistão
Mahjabin Hakimi era integrante da seleção juvenil de vôlei do Afeganistão (Reprodução/Facebook)

No início de setembro, o COI (Comitê Olímpico Internacional) revelou que trabalhou na retirada de mais de 100 pessoas ligadas ao movimento olímpico do Afeganistão, em razão da chegada ao poder do grupo radical Talibã. O temor dos efeitos com a mudança de governo, especialmente em relação às mulheres, infelizmente mostrou-se real. A notícia que de uma atleta da seleção juvenil de vôlei do Afeganistão foi executada no começo deste mês é a maior derrota que o esporte poderia ter.

Notícia publicada pelo jornal “Persian Independent”conta que a jogadora Mahjabin Hakimi foi degolada pelo Talibã, que retomou o poder no Afeganistão em agosto. A execução teria acontecido no começo de outubro, mas a família da atleta preferiu manter em segredo, com medo de represálias.

A informação foi passada pelo treinador de Hakimi, cuja identidade foi preservada como forma de segurança. Ela teria sido assassinada por jogar sem o hijab (véu que cobre o cabelo das mulheres) e ser da etnia Hazara, povo de origem mongol perseguido pelo Talibã.

+ O blog está no Twitter. Clique e siga para acompanhar
+ Curta a página do blog no Facebook
+ O blog também está no Instagram. Siga

Segundo o técnico, somente duas jogadoras da seleção juvenil conseguiram deixar o Afeganistão através de ajuda humanitária. As demais integrantes deixaram a capital Cabul e estão escondidas no interior do país, com medo do Talibã. Algumas chegaram a queimar seus uniformes, com medo de retaliação.

Tudo isso significa que o terror venceu e o esporte feminino irá demorar muito tempo a se recuperar desta tragédia.

A FIVB (Federação Internacional de Vôlei) disse ao site “Inside the Games” que está sendo informada a respeito dos acontecimentos no Afeganistão e que buscam mais esclarecimentos para fazer uma avaliação mais precisa da situação. O COI, por sua vez, não fez nenhuma manifestação até agora.

Enquanto isso, esquecidas lá no meio da Ásia, as mulheres do Afeganistão afundam nas trevas, sem nenhuma atenção da imprensa internacional. Assim como aquelas que sonhavam com um futuro no esporte. Tristes tempos.

Clique no link e seja você também um apoiador do blog. Ajude a combater a monocultura esportiva no Brasil

APOIE O OLIMPÍADA TODO DIA

Desde setembro de 2016, o Olimpíada Todo Dia não deixa você ter saudade dos Jogos nunca. É o único veículo de comunicação que todos os dias traz a trajetória dos atletas olímpicos e paralímpicos, combatendo a monocultura do futebol e na busca de ajudar a mudar a cultura esportiva do Brasil. Gosta do nosso trabalho? Nos apoie! Faça um pix para [email protected]

Outra alternativa para nos apoiar é usando o cupom OTD em compras na Centauro. Com o cupom, você ganha 10% de desconto na compra de equipamentos esportivos e parte do valor será revertido para o Olimpíada Todo Dia. Vale lembrar que os descontos não são cumulativos. Se alguma peça já estiver em oferta, você não conseguirá aumentar o desconto, mas se colocar o cupom OTD, parte do valor vai ajudar o portal do mesmo jeito. Você pode comprar também pela vitrine do OTD no site das Centauro.

Mais em Laguna Olímpico