Siga o OTD

Golfe

Pedro Nagayama e Samire Oliveira vencem o Aberto do Arujá

Torneio, que terminou neste domingo, 23, valeu pontos para o ranking mundial amador de golfe (WAGR), ranking nacional e da Federação Paulista de Golfe (FPG).

Divulgação

Terminou neste domingo, 23, o Honda Open – 42º Aberto Masculino e Feminino do Arujá Golf Clube 2018, disputado em Arujá (SP), com a presença de 195 jogadores. Os grandes campeões foram Pedro Nagayama e Samire Oliveira. Pedro, que liderou de ponta a ponta, conquistou o segundo título consecutivo em torneios válidos para o ranking mundial amador de golfe (WAGR). Ele já havia vencido no mesmo passado o Aberto do São Fernando. O torneio valeu ainda para o ranking nacional e rankings da Federação Paulista de Golfe (FPG).

Nagayama, do São Fernando, colocou uma mão na taça ainda no sábado, quando jogou duas abaixo para abrir sete tacadas de vantagem, mesmo jogando mal na segunda metade do campo deste domingo, quando sua concentração caiu, Nagayama ainda foi campeão por cinco tacadas de vantagem ao somar 219 (73-70-76) tacadas, três acima do par no total. Thomas Choi, do São Paulo, campeão brasileiro juvenil de 2018, ficou em segundo, com 224 (73-78-73), e Filipe Rossi, do São Paulo, que fez três birdies seguidos (8 ao 10) completou o pódio, em terceiro, com 228 (76-74-78).

Entre as mulheres, destaque para as jogadoras da casa, que levaram as medalhas de ouro e bronze. Samire Oliveira, venceu de ponta a ponta com 163 (79-84) tacadas, quando Ana Sung Marques, ficava em terceiro, com 175 (89-86). A vice-campeã foi Sueli Miyuki Horii, do Paradise, que tem no Arujá seu segundo campo, com 171 (84-87).

Categorias – Na classificação por handicap índex até 8,5, Fernando Vieira dos Santos venceu com 213 (76-74-63), três abaixo. Na 8,6 a 14, Ademir Mazon, do Sapezal, foi campeão com 133 (67-66), seis abaixo. Na 14,1 a 19,4, Bruno Priante, do Imperial, venceu com 130 (69-61) tacadas, 11 abaixo do par, e terá seu handicap reajustado automaticamente para baixo, a partir desta semana, de acordo com o regulamento da FPG.

Na classificação por handicaps índex até 16, Angélica Barboza, do Paradise, venceu com 147 (77-70), seguida por Kyoung Aie Kim, do Campinas, com 148 (73-75) e por Elisabeth Tatsumi, do Arujá, com 150 (78-72). Na 16,1 a 25,7, Chieko Takita, do PL, foi campeã com 150 (78-72), contra 152 (73-79) de Sayuri Mori, do Arujá, a vice-campeã, e 153 (75-78) de Elise Sasaki Silva, do Alphaville Graciosa (PR), a terceira colocada.

APOIE O OLIMPÍADA TODO DIA

Desde setembro de 2016, o Olimpíada Todo Dia não deixa você ter saudade dos Jogos nunca. É o único veículo de comunicação que todos os dias traz a trajetória dos atletas olímpicos e paralímpicos, combatendo a monocultura do futebol e na busca de ajudar a mudar a cultura esportiva do Brasil. Gosta do nosso trabalho? Nos apoie! Faça um pix para [email protected]

Outra alternativa para nos apoiar é usando o cupom OTD em compras na Centauro. Com o cupom, você ganha 10% de desconto na compra de equipamentos esportivos e parte do valor será revertido para o Olimpíada Todo Dia. Vale lembrar que os descontos não são cumulativos. Se alguma peça já estiver em oferta, você não conseguirá aumentar o desconto, mas se colocar o cupom OTD, parte do valor vai ajudar o portal do mesmo jeito. Você pode comprar também pela vitrine do OTD no site das Centauro.

Mais em Golfe