Siga o OTD

Futebol

De virada, Brasil goleia a Venezuela e fica perto do título

Depois de estrear com vitória, Brasil confirma o favoritismo e faz 4 a 1 em Manaus

AO VIVO: Brasil e Venezuela - Torneio Internacional de Futebol Feminino
Thais Magalhães/CBF

Depois de estrear com vitória no Torneio Internacional de Futebol Feminino, a seleção feminina do Brasil voltou a campo neste domingo (28) para a segunda partida da competição. A adversária da vez foia a Venezuela, novamente na Arena da Amazônia. Com dois gols de Kerolin, um de Debinha e Gabi Nunes, a seleção fez 4 a 1 na Venezuela.

A partida começou com um gol da Venezuela aos 4 minutos após falha de Lauren. A equipe começou nervosa e errando bastante. Através da bola parada, o Brasil virou. Primeiro Kerolin cabeceou escanteio para o fundo do gol. Na sequência, Gabi Nunes mergulhou de cabeça para marcar em seu primeiro jogo com a camisa da seleção em quatro anos. No final da primeira etapa, Debinha roubou bola no ataque e fez o 4º.

O segundo tempo foi de mudanças da técnica Pia Sundhage. Tirando as autoras dos gols, o time perdeu a ofensividade, mas seguiu dominante na partida, sem dar chances para as venezuelanas.

“Passei por muitos momentos na minha vida e hoje é um dia especial. Fico feliz por ter feito um bom jogo. Vim aqui para aprender e estou sofrendo muito,” declarou Gabi Nunes após a partida.

O último duelo da seleção feminina será diante do Chile, no dia 1º de dezembro, às 21h (de Brasília).

A estreia

No primeiro jogo, a seleção feminina goleou a Índia por 6 a 1 e assumiu a liderança do torneio, com três pontos. A equipe indiana aparece na lanterna, ainda sem pontuar. Do outro lado, a Venezuela estreou com derrota para o Chile por 1 a 0 e também segue zerada.

+Tabela do Torneio Internacional de Futebol Feminino

Vale lembrar que a partida contra a Índia marcou também a despedida da lendária Formiga da seleção do Brasil. Ela fez seu último jogo com a camisa verde e amarela aos 43 anos e recebeu várias homenagens em Manaus, com direito à surpresa da Rainha Marta ao final do confronto.

“Nós temos que construir o futuro. Havia muitas jogadoras novas no campo, elas não têm tantas partidas juntas, então é claro que terão seus altos e baixos. É exatamente por isso que precisamos ser pacientes. Nós tentamos penetrar a defesa muitas vezes pelo meio, o que acho interessante quando você tem apoio e tenta encontrar o último passe. Mas nós também tentamos achar espaço atrás das defensoras laterais. Perdemos a posse algumas vezes. Tivemos muitos cruzamentos, o que foi bom, mas precisamos trabalhar melhor a chegada na área”, avaliou a técnica Pia Sundhage.

O torneio

As quatro equipes participantes do Torneio Internacional de Futebol Feminino – Brasil, Chile, Índia e Venezuela- enfrentam-se em turno único. A vitória garante a equipe três pontos, enquanto o empate soma um ponto. A campeã será, então, aquela que tiver a maior pontuação ao fim das três rodadas.

+ SIGA O OTD NO YOUTUBETWITTERINSTAGRAMTIK TOK E FACEBOOK

Em caso de empate, a classificação será definida de acordo com os seguintes critérios: melhor saldo de gols, maior número de gols marcados, confronto direto e, por último, a classificação de fair play. Esta última segue as seguintes regras: vence a equipe com o menor número de pontos em relação ao número de cartões amarelos e vermelhos recebidos. O amarelo vale um ponto; o segundo amarelo, que configura um vermelho indireto, três pontos; vermelho direto, 4 pontos; e o cartão amarelo seguido de um vermelho direto confere 5 pontos.

Mais em Futebol

viagra