Siga o OTD

Caratê

Brose bate italiano e conquista o tricampeonato mundial

Medalha de ouro em 2010 e 2014, Douglas Brose conquistou o tricampeonato mundial ao derrotar o italiano Angelo Crescenzo na final

douglas brose tricampeão mundial caratê
Gökhan Taner

Douglas Brose apagou a frustração de não ter conseguido se classificar para os Jogos Olímpicos de Tóquio-2020 com uma grande campanha no Mundial de caratê. Com seis vitórias em seis lutas disputadas, o brasileiro, que já tinha sido campeão em 2010 e 2014, conquistou pela terceira vez o título da categoria até 60 kg.

Ao todo, Douglas Brose soma cinco pódios em Mundiais. Além dos três ouros, ele foi prata em 2012 e bronze em 2008. Para chegar ao título de 2021, ele superou na decisão o italiano Angelo Crescenzo, que tinha sido campeão da categoria em 2019.

A luta decisiva começou equilibrada com os dois caratecas cautelosos para não dar chances ao adversário. Foi assim durante dois dos três minutos do combate, mas, quando faltavam 58 segundos para o final, Douglas Brose acertou um chute na cabeça de Angelo Crescenzo e abriu 3 a 0 no placar. A partir daí, o brasileiro controlou a diferença até o cronômetro zerar para comemorar o terceiro título mundial de sua carreira.

+Após mais um ouro no Panamericano de caratê, Douglas Brose foca Mundial

Na caminhada até a final, Douglas Brose passou na estreia pelo esloveno Niklas Tamse por 4 a 2. Depois venceu por 2 a 1 Abdullah Shaaban, do Kuwait, e por 2 a 0 o sul-coreano Gu Ju Yeong. Nas quartas de final, o brasileiro dominou o cazaque Kaisar Alpysbay por 3 a 0. Na semifinal, se manteve sempre à frente do placar e despachou o marroquino Ali Jina Abdel por 3 a 1.

+ SIGA O OTD NO YOUTUBE, NO INSTAGRAM E NO FACEBOOK

Douglas Brose não conseguiu se classificar para os Jogos Olímpicos porque a categoria dele se juntou com a 67 kg na briga por vagas em Tóquio e ele acabou perdendo a disputa para o compatriota Vinícius Figueira. Depois disso, ele tentou ainda a classificação no Pré-Olímpico na categoria até 75 kg, mas não obteve êxito.

Em Tóquio, foi a primeira vez que o caratê fez parte do programa dos Jogos Olímpicos, mas a modalidade não foi incluída na programação de Paris-2024.

Mais em Caratê