Siga o OTD

sétima etapa do circuito brasileiro de vôlei de praia

Vôlei de Praia

Desfalcada dos olímpicos, etapa perde também os líderes do circuito por covid

Etapa, que já não contava com os olímpicos Bruno Schmidt/Evandro e Alison/Álvaro Filho, perdeu também André e George, que testaram positivo para covid-19

Desfalcada dos olímpicos, etapa perde também os líderes do circuito por covid

Durante a semana circulou a notícia de que Bruno Schmidt estava fora da sétima etapa do Circuito Brasileiro de vôlei de praia porque ficou internado por quatro dias com covid-19. Com isso, seu parceiro, Evandro, também não participou do torneio. Já Alison, que joga com Álvaro Filho, virou desfalque por um bom motivo: o nascimento da filha. Com as duplas classificadas para os Jogos Olímpicos de fora, a competição se esvaziou ainda mais com a ausência dos líderes do ranking, André e George, que testaram positivo na chegada a Saquarema.

Com desfalques importantes, aconteceu nesta sexta-feira a maratona que definiu as oito duplas classificadas para as quartas de final. Entre a fase de grupos e as oitavas, foram disputadas 32 partidas e os sobreviventes foram Adrielson/Renato Andrew (PR/PB), Oscar/Thiago (RJ/SC), Léo Viera/Bruno (DF/AM), Guto/Arthur Mariano (RJ/MS), Vinícius/Vitor Felipe (ES/PB), Averaldo/Harley (TO/DF), Maia/Vinícius Cardozo (RJ) e Marcus/Jô (RJ/PB).

O dia começou com as rodadas da fase de grupos, e os respectivos jogos realizados em três quadras dentro do CDV. Após 24 partidas, 16 times seguiram para as oitavas de final. Estes confrontos foram definidos em sorteio realizado logo ao final do último duelo do torneio regular. As duplas com duas vitórias saíram em primeiro nos respectivos grupos. As parcerias em segundo lugar e as quatro melhores terceiras também avançaram.

+ SIGA O OTD NO YOUTUBE, NO INSTAGRAM, NO FACEBOOK E NO TIKTOK

Dupla de melhor ranking nesta etapa, Guto e Arthur Mariano (RJ/MS) ficaram com a primeira posição do grupo A, enquanto Léo Vieira/Bruno (DF/AM) avançou em segundo. No grupo B a liderança ficou com Adrielson e Renato (PR/PB), seguidos de Averaldo/Harley (TO/DF). Fábio e Saymon (CE/MS) conseguiram a primeira colocação no grupo C, e Marcus/Jô (RJ/PB) vem em seguida.

Os experientes Oscar e Thiago (RJ/SC) venceram as duas partidas no grupo D e ficaram em primeiro, seguidos por Lipe/Anderson Melo (CE/RJ). No grupo E os classificados foram Vinícius Freitas/Vitor Felipe (ES/PB) em primeiro, e Léo Gomes/Gabriel Gouveia (RJ) em segundo. Allison Francioni/Matheuszinho (SC/SE) liderou o grupo F com Bernardo Lima/Eduardo Davi (CE/PR) na sequência. As melhores campanhas de terceiro lugar foram Felipe Cavazin/Luciano (PR/ES), Maia/Vinícius Cardozo (RJ), Fernandão/Rafa (ES/PR) e Hevaldo/Adelmo (CE/BA).

As oitavas de final foram realizadas no final da tarde e início da noite deste sábado. A primeira vaga nas quartas de final ficou com a jovem dupla formada por Adrielson e Renato Andrew (PR/PB). Eles passaram por Fernandão e Rafa (ES/PR) por 2 sets a 0 (21/13 e 21/15). Após mais uma classificação, Renato destacou a evolução da parceria.

“A gente busca evoluir sempre. A gente treina separado, mas fez a pré-temporada em janeiro junto e deu para treinar bem. E o objetivo é esse, ir melhorando a cada etapa. Em relação às duplas que não estão aqui, a gente está só fazendo nosso trabalho. O que vier, a gente vai buscar fazer o melhor jogo e buscar mais um pódio para a gente”, contou Renato.

Nas quartas de final Adrielson e Renato enfrentarão Averaldo e Harley (TO/DF). A dupla, que joga junta desde a etapa anterior, venceu nas oitavas Léo Gomes/Gabriel Gouveia (RJ) por 2 sets a 1 (22/20, 19/21 e 15/9).

Na reestreia de uma parceria que esteve junta uma década atrás, Léo Vieira e Bruno de Paula (DF/AM) conseguiram um lugar nas quartas de final depois de vencerem Bernardo Lima/Eduardo Davi (CE/PR) em um jogo definido no terceiro set (21/17, 19/21 e 15/13). Com um lugar assegurado na próxima fase, Bruno comentou sobre jogar novamente ao lado de Léo.

“Eu tenho o Léo como um irmão que o voleibol me deu. Temos uma história muito bonita. Nós nos juntamos de última hora para esta etapa, após algumas trocas entre duplas. Ele tem uma energia muito boa, e isso me contagiou, me fez treinar ainda mais. Essa reedição da dupla trouxe muito carinho de amigos de todo o Brasil, recebi muitas mensagens. Nós somos uma dupla baixa, e hoje enfrentamos adversários muito mais altos e conseguimos prosseguir”, disse Bruno.

Bruno e Léo Viera terão pela frente Guto e Arthur Mariano (RJ/MS). A dupla, que já disputou três finais nesta temporada, chega às quartas de final depois de superar Hevaldo/Adelmo (CE/BA) por 2 sets a 0 21/17 e 26/24).

Semifinalistas na última etapa, Oscar e Thiago (RJ/SC) levaram a melhor sobre Felipe Cavazin/Luciano (PR/ES) por 2 sets a 0 (21/19 e 21/17), e jogarão contra Vinícius Freitas e Vítor Felipe (ES/PB). O capixaba e o paraibano venceram Lipe/Anderson Melo (CE/RJ) por 2 sets a 0 (21/14 e 21/19).

“O dia foi longo, mas o lado bom disso é que a gente consegue acelerar o nosso ritmo de jogo e entrosamento. Eu e o Vinícius, em razão da pandemia, não estamos treinando juntos. Eu treino em João Pessoa (PB) e ele em Vitória (ES). A gente acaba se entrosando na etapa. Não é uma situação confortável. A gente aproveita esses dias com jogos para melhorar. Estamos cada vez mais forte, estamos focando no passo a passo. Vamos jogo por jogo, e queremos chegar longe”, comentou Vitor.

Na última rodada das oitavas de final Marcus e Jô (RJ/PB) venceram Allison Francioni/Matheuszinho (SC/SE) por 3 sets a 1 (21/19, 16/21 e 15/10). E terão como adversários na próxima fase Maia e Vinícius Cardozo (RJ). A dupla carioca superou Fábio/Saymon (CE/MS) por 2 sets a 0 (21/19 e 21/19). Com a vaga garantida, Vinícius falou sobre a superação durante o dia após a estreia com derrota.

“Não conseguimos avançar para as quartas na última etapa. Desta vez enfrentamos uma dupla que é nossa companheira de treinos logo no primeiro jogo, que foi muito disputado, mas perdemos. E não conseguimos colocar em prática o que vínhamos treinando. Nos superamos no segundo jogo e conseguimos passar. Agora fizemos outra grande partida contra uma dupla forte como é o Fábio e o Saymon. Estamos focados e queremos tentar chegar à semifinal”, explicou Vinícius.

CONFRONTOS DAS QUARTAS DE FINAL

Adrielson/Renato Andrew (PR/PB) x Averaldo/Harley (TO/DF) – 10h
Vinícius Freitas/Vítor Felipe (ES/PB) x Oscar/Thiago (RJ/SC) – 10h
Maia/Vinícius Cardozo (RJ) x Marcus/Jô (RJ/PB) – 10h50
Léo Vieira/Bruno (DF/AM) x Guto/Arthur Mariano (RJ/MS) – 10h50

Mais em Vôlei de Praia