Siga o OTD

Brasil e Tailândia - Liga das Nações feminina

Vôlei

Brasil confirma favoritismo e atropela a Tailândia na Liga das Nações

Contra a lanterna Tailândia, Zé Roberto aproveita para rodar o time e Brasil chega a 10 vitórias em 12 jogos na Liga das Nações

FIVB

Brasil confirma favoritismo e atropela a Tailândia na Liga das Nações

Fechando a quarta semana da Liga das Nações de vôlei feminino, o Brasil confirmou seu favoritismo diante da lanterna Tailândia, nesta segunda-feira (14). A seleção brasileira teve atuação sólida, rodando o elenco ao longo do jogo, para vencer por 3 sets a 0 (25/11, 25/14 e 25/10).

Assim, o Brasil chega a 10 vitórias em 12 jogos, tendo perdido apenas para Estados Unidos e China até aqui. A seleção assume, então, provisoriamente a liderança da Liga das Nações, mas as americanas entram em quadra às 16h (de Brasília) e podem retomar a ponta se vencerem a Turquia. Cada equipe disputa 15 jogos na fase classificatória, com as quatro melhores passando para as semifinais.

+Confira a tabela da Liga das Nações feminina

Além disso, este foi o 21º encontro em Brasil e Tailândia em competições de nível mundial da FIVB e a 20ª vitória brasileira no retrospecto do confronto. A única vitória tailandesa foi em 2017.

Agora, o Brasil volta à quadra apenas no dia 18 de junho, próxima sexta-feira. A adversária será a Coreia do Sul, em duelo que acontece às 10h (de Brasília) e você acompanha no Olimpíada Todo Dia. Na sequência, a seleção encara Holanda e Turquia, nesta ordem.

O jogo

Brasil e Tailândia - Liga das Nações
Tandara é a maior pontuadora do Brasil nesta Liga das Nações (Divulgação/FIVB)

José Roberto Guimarães escalou o time titular para começar o jogo, indo à quadra com: Macris, Gabi, Tandara, Carol, Fê Garay, Ana Beatriz e Camila Brait. O Brasil era naturalmente melhor, mas a Tailândia ainda conseguia se manter próxima no placar no início do set. Aos poucos, no entanto, a seleção brasileira fez valer o favoritismo e passou a abrir vantagem confortável, que chegou a 14 pontos. Assim, a equipe encaminhou a vitória na primeira parcial, com tranquilidade, abrindo 1 a 0.

No segundo set, o Brasil já começou mais arrasador, abrindo vantagem desde o início. Mais uma vez, Fê Garay e Gabi lideraram o ataque, enquanto Adenízia entrou bem em quadra. A Tailândia não conseguia reagir, deixando a seleção brasileira deslanchar no marcador. Novamente, a equipe colocou mais de 10 pontos de frente, fechando a parcial sem problemas.

+ SIGA O OTD NO YOUTUBE, NO INSTAGRAM E NO FACEBOOK

O roteiro seguiu o mesmo no terceiro set, com o Brasil dominando o jogo e sem dar chances para a Tailândia. Assim, não demorou para a seleção brasileira abrir boa vantagem, novamente com mais de 10 pontos, precisando manter a concentração na partida. O que não foi um problema, já que o Brasil se manteve firme em quadra, com a maior diferença no marcador até então. As tailandesas ainda conseguiram emplacar alguns pontos, mas a seleção confirmouo favoritismo e fechou o jogo com tranquilidade.

Campanha do Brasil na Liga das Nações:

Primeira rodada:
25.05 – Brasil 3 x 1 Canadá (23/25, 25/11, 25/09 e 25/14)
26.05 – Brasil 3 x 0 República Dominicana (25/20, 25/13 e 25/17)
27.05 – Brasil 1 x 3 Estados Unidos (17/25, 19/25, 25/23 e 22/25)

Segunda rodada:
31.05 – Brasil 3 x 0 Japão (25/15, 25/19 e 25/21)
01.06 – Brasil 3 x 0 Rússia (25/20, 25/11 e 25/18) 
02.06 – Brasil 3 x 1 Itália (19/25, 25/15, 25/19 e 25/19)

Terceira rodada:
06.06 – Brasil 3 x 0 Sérvia (25/12, 25/14 e 25/13)
07.06 – Brasil 3 x 0 Bélgica (25/18, 25/16 e 25/17)
08.06 – Brasil 2 x 3 China (25/18, 22/25, 20/25, 25/14 e 12/15)

Quarta rodada:
12.06 – Brasil 3 x 0 Polônia (25/22, 25/20 e 25/23)
13.06 – Brasil 3 x 1 Alemanha (22/25, 25/17, 25/21 e 25/22)
14.06 – Brasil 3 x 0 Tailândia (25/11, 25/14 e 25/10)

Reveja: Brasil x Tailândia – Liga das Nações de vôlei feminino

Mais em Vôlei