Siga o OTD

bruninho taubaté superliga

Vôlei

Jogos das quartas de final e rebaixados são conhecidos na Superliga masculina

Última rodada define os jogos das quartas e confirma os dois rebaixados para a divisão de acesso

Divulgação

Jogos das quartas de final e rebaixados são conhecidos na Superliga masculina

Com o encerramento da última rodada da Superliga masculina de vôlei neste sábado (6), estão confirmados os confrontos de quartas de final da competição e quais são as duas equipes rebaixadas para a divisão de acesso da próxima temporada.

Mesmo faltando um confronto entre Taubaté e Sesi, que acontecerá na segunda-feira (8), os confrontos de quartas de final e os rebaixados da Superliga masculina de vôlei da atual temporada foram conhecidos neste sábado (6).

Líder diferente em quadra

Jogando em casa e reeditando a decisão das últimas competições nacionais, Taubaté e Cruzeiro fizeram um duelo atípico. Por já estar assegurado como líder da fase de classificação, o time mineiro mandou para a quadra uma equipe toda reserva, com destaque para o capitão Filipe, de 41 anos, e o jovem Maicon, de 16 e 2,15m.

No jogo em si, Taubaté fez valer a diferença técnica entre os times em quadra e saiu com o triunfo por 3 sets a 0, com parciais de 25/18, 25/19 e 25/17. Com o resultado, o Cruzeiro terminou o 1ª fase da Superliga com 60 pontos em 22 jogos. O Taubaté chegou aos 55 e, mesmo tendo ainda um jogo a cumprir, será o segundo colocado.

(Créditos: Renato Antunes/Maxx Sports)

Nas quartas de final, o Cruzeiro medirá forças contra o Itapetininga na série melhor de três jogos. Já o Taubaté jogará contra o Montes Claros América Vôlei.

G4 confirmado

Atual campeão Paulista, o Campinas confirmou o terceiro lugar geral da fase de classificação e segue com a melhor temporada desde o nascimento do projeto. Neste sábado, a equipe venceu o Caramuru por 3 sets a 0, com parciais de 25/15, 25/18 e 25/19. Com o resultado, além do time campineiro confirmar o terceiro lugar, o Caramuru foi matematicamente rebaixado para a Superliga B.

Nas quartas de final da Superliga masculina de vôlei, o Vôlei Renata Campinas terá o Uberlândia como adversário.

Considerado um dos times que vai brigar por uma das vagas na decisão da Superliga, o Minas fechou a fase de classificação com vitória contra o Montes Claros América Vôlei por 3 sets a 1, com parciais de 31/33, 25/16, 25/16 e 25/19.

-Tabela da Superliga de vôlei masculino 2020/2021

Com a vitória, o Minas chegou aos 47 pontos e terá o Blumenau como oponente nas quartas de final da competição. Já o América faz duelo contra o Taubaté.

Equilíbrio na metade da tabela

Em sua segunda temporada na elite do vôlei nacional, o Blumenau terminou a 1ª fase da competição com vitória contra o Vôlei Ribeirão. Jogando em casa, o time do sul fez 3 sets a 0 e confirmou o quinto lugar geral, com 33 pontos. Já os paulistas, que sofreram para montar a equipe deste ano, ficaram com a lanterna, com 11 pontos, e foram rebaixados.

Em seu ano de estreia na elite nacional, o Uberlândia fez uma temporada de altos e baixos mas fechou a Superliga masculina vencendo o Itapetininga por 3 sets a 1, fora de casa.

Com o resultado, o time mineiro chegou aos 30 pontos e confirmou o sexto lugar geral e enfrentará o Campinas na série melhor de três jogos por uma vaga na semifinal.

Reformulado, Sesi segue na elite

Precisando de um ponto para se garantir matematicamente na Superliga da próxima temporada, o Sesi conseguiu. Apesar da derrota para o Vôlei Guarulhos por 3 sets a 2, o time de Murilo confirmou a 10ª colocação e o projeto reformulado e cheio de garotos seguirá na divisão mais alta da modalidade no país.

Em seu primeiro ano na elite do vôlei, o time de Guarulhos fechou a competição com 23 pontos e o nono lugar. Desta forma, a equipe paulista se mantém na Superliga masculina.

Mais em Vôlei