Siga o OTD

Honorato-comandou-o-ataque-minastenista-e-foi-o-melhor-jogador-em-quadra-Foto-Orlando-BentoMTC-

Vôlei

Honorato brilha contra o pai e Minas faz 3 a 0 em cima do Uberlândia

Em jogo contra o pai Manoel, que é técnico de Uberlândia, Honorato fez 20 pontos, 14 de ataque, cinco de saque e um de bloqueio na vitória do Minas

Orlando Bento MTC

Honorato brilha contra o pai e Minas faz 3 a 0 em cima do Uberlândia

O confronto entre Minas e Uberlândia marcou o encontro entre gerações. O filho, Henrique Honorato, ponteiro da equipe de Belo Horizonte foi o principal destaque da vitória sobre o time dirigido pelo pai dele, Manoel Honorato, com parciais de 25/16, 25/16 e 28/26.

“Fico feliz pelo desempenho. A gente vem de um jogo muito abaixo em Blumenau e entramos com uma postura muito melhor. Deixamos tudo dentro de quadra e o resultado positivo veio”, afirmou Henrique Honorato depois da partida.

Henrique Horonato não quis saber que do outro lado estava seu pai e jogou muito. Muito bem no ataque e com um saque poderoso, o ponteiro marcou 20 pontos e foi eleito o melhor da partida para ganhar o Troféu Viva Vôlei.

Dos 20 pontos marcados por Henrique Honorato, 14 foram de ataque, cinco de saque e um de bloqueio. Nos dois primeiros sets, ele foi o destaque e o Minas conseguiu vencer com tranquilidade por 25/16 e 25/16.

No terceiro set, o Uberlândia, de Manoel Honorato, reagiu e equilibrou o jogo. A parcial foi disputada ponto a ponto até que o jogo ficou empatado em 26 a 26. Aí, Henrique Honorato foi para o saque e conseguiu seu quinto ace no jogo, 25º. na Superliga, que o deixa na liderança do fundamento na competição.

No ponto seguinte, o Minas fechou o set em 28 a 26 e o filho Henrique derrotou o pai Manoel. “Fico muito feliz pela evolução do Henrique no saque e na defesa. Ele evoluiu de oito para 80 no fundo de quadra”, afirmou o pai.

Henrique, o filho, ficou feliz da vida e agradeceu. “Palavra que fica é a gratidão por tudo o que ele me ensinou não só no vôlei, mas principalmente na vida”.

O Minas é o quarto colocado da Superliga com 41 pontos (15 vitórias e cinco derrotas). Já o Uberlândia é o sétimo com 27 (nove vitórias e 12 derrotas). Faltando apenas um jogo para o fim da primeira fase, o desafio de Manoel é fazer a equipe render o máximo possível para dar trabalho nos playoffs.

“A gente sabe que os playoffs estando chegando. Trabalhar com a segunda equipe mais jovem do país não é fácil. Além de treinador, tem que ser pai e psicólogo ao mesmo tempo. Não está sendo fácil para nossa comissão técnica, mas vamos passar confiança para conseguir melhorar inteligeência emocional dentro de quadra”, afirmou.

Mais em Vôlei