Siga o OTD

O Sesi Bauru, que já teve os jogos contra Itambé/Minas e Sesc Flamengo adiados por conta de atletas infectadas com o coronavírus, divulgou nesta quarta-feira (9) que pedirá para que a CBV (Confederação Brasileira de Voleibol) remarque também o duelo diante do Dentil/Praia Clube. A partida contra o time mineiro, pela Superliga feminina 2020/21, está marcada para sexta-feira (11), às 19h, no ginásio Panela de Pressão, interior de São Paulo

Vôlei

Sesi Bauru pede à CBV para adiar o jogo com Praia Clube

Além dos 14 casos anteriores, nove atletas e cinco membros da comissão técnica, o Sesi Bauru detectou mais dois casos de coronavírus em exames realizados na segunda-feira (7)

O Sesi Bauru está com mais dois casos de coronavírus após os 14 detectados anteriormente (Marcelo Ferrazoli/SESI-SP)

Sesi Bauru pede à CBV para adiar o jogo com Praia Clube

O Sesi Bauru, que já teve os jogos contra Itambé/Minas e Sesc Flamengo adiados por conta de atletas infectadas com o coronavírus, divulgou nesta quarta-feira (9) que pedirá para que a CBV (Confederação Brasileira de Vôlei) remarque também o duelo com o Dentil/Praia Clube. A partida pela Superliga feminina 2020/21 está marcada para sexta-feira (11), às 19h, no ginásio Panela de Pressão, interior de São Paulo.

+ Pinheiros recebe o Brasília pela Superliga; ao vivo às 20h

De acordo com o comunicado do Sesi Bauru, a solicitação da diretoria está fundamentada no fato de acontecer apenas nesta quarta, dois dias antes da partida, o fim do período de isolamento de dez dias dos integrantes do time afetados pelo coronavírus. Segundo o clube, por esse motivo, as comandadas do técnico Rubinho não reúnem condições de jogo para enfrentar o Praia Clube.

Mais dois casos de coronavírus

Na época do adiamento das partidas já citadas, o Sesi Bauru tinha 14 casos de coronavírus, com nove atletas e cinco membros da comissão técnica. Os novos testes de RT-PCR, feitos na segunda-feira (7), agravam a situação. Isso porque os resultados apontaram que os integrantes já diagnosticados ainda permanecem contaminados, em estágio final de recuperação. Além disso, mais dois novos casos foram detectados.

+ Itapetininga e Vôlei Renata duelam pela Superliga; ao vivo na quinta

O Sesi Bauru informa que nesses dois novos casos de coronavírus constam uma jogadora e um profissional da comissão técnica. A diretoria do clube também anuncia que as nove atletas inicialmente afetadas devem estar liberadas para retomar os treinamentos sob o comando de Rubinho e suas auxiliares até o fim de semana.

Protocolos da Superliga

O protocolo da Covid-19 da Superliga 2020/2021 prevê que as equipes que apresentarem quatro atletas ou duas levantadoras infectadas poderão solicitar o adiamento dos jogos. E as novas datas passam a ser negociadas com os clubes mandantes e divulgadas posteriormente.

+ SIGA O OTD NO YOUTUBE, NO INSTAGRAM E NO FACEBOOK

Das partidas já adiadas, somente a com o Minas já tem nova data e horário confirmados pela CBV. Ela será realizada no dia 15 de novembro, às 21h30, no ginásio Panela de Pressão. A previsão do Sesi Bauru, que necessita da confirmação da CBV, é que os jogos com Praia Clube e Flamengo sejam realizados, igualmente, nos dias 29/12 e 4/1.

Mais em Vôlei