Siga o OTD

Maurício Borges Taubaté Javier Weber

Vôlei

Maurício Borges inicia treinos em Taubaté e elogia Weber

O ponteiro, campeão olímpico na Rio-2016, chega ao clube do Vale do Paraíba e já treina com os demais companheiros para suprir a ausência de Lucarelli

Maurício Borges disse que ele e sua família já estão adaptados à cidade de Taubaté (Renato Antunes/Maxx Sports Brasil)

Maurício Borges inicia treinos em Taubaté e elogia Weber

Os treinos ainda não estão no ritmo normal do vôlei de alto rendimento, mas Maurício Borges já trabalha com os seus companheiros do EMS Taubaté Funvic. Campeão olímpico, o ponteiro chega com a responsabilidade de suprir a saída de Lucarelli, que foi para o Trentino, da Itália, e também foi medalha de ouro nos Jogos Olímpicos Rio-2016. E, apesar do pouco tempo, o atleta já fez elogios ao técnico Javier Weber.

+ Jaqueline invade live do Osasco e brinca: ‘a mãe tá on’

“Sei bem do quanto o Lucarelli significa para a torcida de Taubaté, mas chego para desempenhar o meu papel. Eu e o João Rafael chegamos nesta temporada para ajudar o time e queremos manter o grupo no mesmo nível depois de ter sido campeão na Superliga anterior e ter terminado em primeiro lugar quando o campeonato foi paralisado por causa da pandemia”, destacou Maurício Borges.

“O Weber é um grande técnico, gosta de trabalhar sistema de jogo e estou gostando muito do estilo dele. Nunca havia trabalhado diretamente, mas sempre ouvi muitos elogios e a partir de agora estaremos juntos nessa luta”, complementou o ponteiro que, na temporada 2019/20, defendeu a equipe do Sesc-RJ, que encerrou suas atividades. Feliz na nova cidade, o jogador explicou que sua adaptação e de sua família tem sido boa e bem rápida.

+ Vedacit Vôlei Guarulhos busca surpreender na elite do vôlei

“Já estou bem instalado com a família, todos adorando a cidade, e posso dizer que já estou adaptado. Claro que os treinos ainda não estão no ritmo considerado normal no vôlei porque todos ficamos muito tempo parados, mas já está dando pra matar um pouco da saudade e estou gostando muito de toda a estrutura do time”, concluiu Maurício Borges, atleta que figura com freqüência nas convocações da seleção brasileira.

Novo comando

Para a temporada 2020/21, o Taubaté sofreu uma mudança no comando técnico. Renan Dal Zotto decidiu focar somente na seleção brasileira e deixou o cargo. Renan chegou a assumir cargo diretivo no clube e foi ele o responsável pela indicação e contratação do argentino Javier Weber, que estava no Bolívar, da Argentina, e também tem passagens como treinador na seleção de seu país e em clubes brasileiros.

+ Praia Clube anuncia Garay e as gêmeas Monique e Michelle

No final de maio, Renan Da Zotto optou por sair do Taubaté para desonerar o clube neste momento de crise por causa do coronavírus. Sem o atual técnico da seleção brasileira como treinador e também dirigente, a equipe do Vale do Paraíba terá Weber como responsável pelas principais decisões técnicas. E o treinador argentino está entusiasmado com esse desafio no time brasileiro.

“As expectativas são ótimas. O time foi montado para chegar às finais e brigar pelos títulos. Teremos o Sul-Americano e a Superliga, que são as competições principais. Mas buscaremos aproveitar cada momento em quadra para fazer esse time jogar seu melhor voleibol. A temporada se configura diferente pela pandemia, mas tenho confiança de que nosso grupo de jogadores e profissionais da comissão técnica farão um excelente trabalho e buscaremos nossos objetivos”, afirmou Javier Weber.

+ SIGA O OTD NO YOUTUBE, NO INSTAGRAM E NO FACEBOOK

Além de Maurício Borges e Javier Weber, o Taubaté contratou o levantador Bruninho, os opostos Felipe Roque e Gabriel Candido, o central Bruno Biella, e os ponteiros João Rafael, Vitor Yudi e João Franck. Seguem no elenco o ponteiro Douglas Souza, os centrais Lucão, Maurício Souza e Riad, os levantadores Rapha e Fabiano Souza, e o líbero Thales.

Mais em Vôlei