Siga o OTD

Jorge Zarif é liberado após doping e vai participar da Olimpíada

Tóquio 2020

Zarif é liberado após caso de doping e pode ir a Tóquio

O velejador brasileiro Jorge Zarif cumpriu suspensão de seis meses após testar positivo para tamoxifeno, substância proibida pelo Código Mundial Antidoping

Jorge Zarif foi campeão mundial da classe Finn em 2013 (Foto: Fred Hoffmann/Divulgação)

Zarif é liberado após caso de doping e pode ir a Tóquio

O velejador Jorge Zarif, campeão mundial da classe Finn em 2013, poderá voltar às competições, incluindo os Jogos Olímpicos de Tóquio. Nesta sexta-feira, a 1ª Comissão Disciplinar do Tribunal de Justiça Desportiva (TJD) informou ao atleta que ele está livre da pena por doping.

Zarif havia sido suspenso preventivamente no começo deste ano por utilizar a substância tamoxifeno. O teste positivo aconteceu em 15 de agosto de 2019 durante a disputa do evento-teste de vela, em Enoshima, no Japão. Na ocasião, o atleta estava em tratamento de uma ginecomastia bilateral, que o impedia de fazer movimentos e causa o aumento das mamas.

+INSCREVA-SE EM NOSSO CANAL NO YOUTUBE

A comissão aplicou uma pena de seis meses pela violação antidopagem, punição que o velejador e seu advogado Bichara Neto consideraram severa. Como já cumpriu o tempo de ausência, Zarif está liberado para voltar às competições.

A trajetória e os feitos de Zarif

Aos 27 anos, Jorge Zarif está classificado para sua terceira olimpíada, já que foi o responsável por garantir a vaga brasileira na classe Finn para os Jogos de Tóquio. Em Londres 2012, o velejador paulista terminou em 20º lugar e foi o mais jovem da delegação na modalidade. Já na Rio 2016, o atleta ficou em 4º. Em Pequim 2008, foi como reserva com apenas 15 anos.

Seu principal resultado na Finn foi o título mundial de 2013, conquistado em Tallin, na Estônia. O velejador também ganhou a versão júnior da competição um mês antes. Após o feito, foi eleito pelo Comitê Olímpico Brasileiro o Atleta do Ano.

O velejador ainda foi campeão da Copa do Mundo de Hyéres, bicampeão da Copa do Mundo de Miami e tetracampeão Sul-Americano. Jorge Zarif também venceu a Star Sailors League 2018.

Mais em Tóquio 2020