Siga o OTD

Luisa Stefani Laura Pigossi duplas femininas Jogos Olímpicos Tóquio 2020

Tóquio 2020

Stefani e Pigossi batem americanas de virada e chegam à histórica semifinal

Depois de um começo ruim, Luisa Stefani e Laura Pigossi reagiram para conseguir a virada sobre Mattek-Sands e Jessica Pegula e classificar para a semifinal

Wander Roberto/COB

Stefani e Pigossi batem americanas de virada e chegam à histórica semifinal

Luisa Stefani e Laura Pigossi conquistaram na madrugada desta quarta-feira uma vitória espetacular, de virada, contra as americanas Mattek-Sands e Jessica Pegula, cabeças de chave número 4 do torneio de duplas mistas dos Jogos Olímpicos. Com o resultado, as brasileiras estão na semifinal e a apenas um jogo da histórica conquista de uma medalha. 

“É incrível! Estou tentando ainda comemorar um pouco, digerir… Foi um baita jogo! Não tem jogo fácil aqui. Todas essas meninas são campeãs, são ótimas simplistas, já ganharam medalha olímpica como a Mattek-Sands. É uma grande vitória, mas acho que o mais importante é a gente fazer o nosso, continuar competindo com todo o coração e fazendo em cada ponto o nosso melhor”, afirmou Luisa Stefani.

+TUDO SOBRE O TÊNIS NOS JOGOS OLÍMPICOS

“É uma honra jogar pelo Brasil. A gente joga com alma e coração. Desde o começo a gente vem falando que quer levar essa medalha para o Brasil e não é qualquer medalha! A gente quer a de ouro”, acrescentou Laura Pigossi. “A gente veio aqui com uma missão e não importa contra quem a gente jogue. As meninas jogam muito bem, mas a gente acredita que podemos jogar de igual para igual com todas. O principal é continuar com a boa energia e acreditar que a gente pode levar essa medalha para casa”.

Apesar da confiança das brasileiras, o jogo começou muito complicado para elas. Laura Pigossi e Luisa Stefani até conseguiram uma quebra contra as americanas, mas não confirmaram nenhum saque no primeiro set e perderam por 6/1. “Elas estavam jogando muito firme, devolvendo bem, colocaram pressão e a gente não estava se encontrando”, explica Luisa Stefani.

+ SIGA O OTD NO YOUTUBETWITTERINSTAGRAMTIK TOK E FACEBOOK

No intervalo entre o primeiro e o segundo set, o papo entre Laura e Luisa foi fundamental para que a sorte do jogo começasse a mudar. “O papo foi tático para começar a entrar um pouco melhor nos pontos, mas pelo meio e sem apressar os pontos. A gente estava dando ponto de graça, errando alguns voleios e não estávamos metendo os primeiros saques”, conta Luisa. “A gente falou: vamos fazer o básico, feijão com arroz que a gente faz bem e tentar puxar o jogo e a nossa energia pra gente conseguir subir e a gente começou o segundo set muito bem”, comemora Laura. “O lance foi eu fazer o meu jogo de rede, que é o meu melhor, e ela fazer o jogo de solidez do fundo. Foi voltar para o nosso estilo de jogo e aos poucos as coisas foram dando mais certo”, completou Luisa.

No segundo set, Luisa Stefani e Laura Pigossi voltaram com tudo! O saque das brasileiras começou a entrar e elas dominaram o duelo, abrindo vantagem para chegar em 5/3. Neste momento, aconteceu o game mais disputado do jogo. Com Luisa no saque, as americanas tiveram quatro break points e salvaram dois set points antes das brasileiras enfim fecharem o set para levar a decisão para o match tie-break.

+RECEBA NOTÍCIAS NO NOSSO CANAL NO TELEGRAM OU PARTICIPE DO NOSSO GRUPO DO WHATSAPP

A vitória no segundo set embalou Luisa Stefani e Laura Pigossi, que fizeram 3/0 logo de cara no match tie-break. A partir daí, as brasileiras souberam administrar a vantagem e controlar as adversárias até alcançar a vitória em 10/6 e garantir a histórica classificação para a semifinal.

Veja como foi: Luisa Stefani/Laura Pigossi x Bethanie Mattek-Sands/Jessica Pegula

Mais em Tóquio 2020