Siga o OTD

Tiro com Arco

Brasil bate na trave e fica com o quarto lugar nas equipes femininas do Mundial

Após saírem vencendo, Ane Marcelle, Ana Machado e Sarah Nikitin foram derrotadas pela França na disputa do bronze por equipes. Ainda assim, é o melhor resultado da história brasileira nesta competição.

Mundial de Tiro com Arco bronze equipes feminina
(World archery/arquivo)

O Brasil tentava uma medalha histórica no Mundial de tiro com arco nesta sexta-feira (24). A equipe feminina do recurvo, formada pelo trio Ane Marcelle, Ana Machado e Sarah Nikitin, encarou a disputa pelo bronze contra a França, com Lisa Barbelin, Richard Melodie e Caroline Lopez. O time começou vencendo, mas acabou tomando a virada e ficou com o quarto lugar na competição disputada em Yankton, nos Estados Unidos. Ainda assim, é o melhor resultado da história brasileira nesta competição.

As brasileiras começaram melhor e venceram o primeiro set com 58 a 51, abrindo 2 a 0 no duelo. Foram duas flechas no centro do alvo, a chamada ‘mosca’, outras duas na área de dez pontos e mais duas na de nove. Na segunda parcial, porém, a mira não foi a mesma e elas perderam por 55 a 49. Foi apenas uma flecha na área de dez pontos, duas na de nove, outras duas na de oito e uma na de cinco. Assim, o duelo ficou empatado em 2 a 2.

O terceiro set foi mais equilibrado que os dois primeiros. As brasileiras marcaram quatro noves, um oito e, na última flecha, dez pontos. Somaram 54. Porém, as francesas, após uma revisão feita pelos árbitros, somaram 55 e saltaram à frente com 4 a 2 no placar. O quarto set era o tudo ou nada para o Brasil. Era necessário vencer para manter-se na disputa. O time somou 52 pontos, quatro noves e dois oitos, mas as francesas cravaram 54 e levaram a medalha com 6 a 2 no placar final. Vale dizer que o Brasil ainda tem chance de medalha no Mundial de tiro com arco, já que Marcus D’Almeida está nas quartas de final do recurvo individual.

+ Por Pequim-2022, Isadora Williams encara maior desafio da carreira

Caminhada

Para chegar até a decisão do bronze, o Brasil começou a disputa na quarta-feira (22) com um duelo bastante complicado diante do Canadá. A vitória foi confirmada apenas no set de desempate, por 5 a 4. Na sequência, nas oitavas, a adversária foi a Rússia e novamente a vitória veio suada, apenas no set desempate, por 5 a 4. Nas quartas, o rival foi a Itália. A equipe brasileira garantiu a vitória por 5 a 3 e carimbou vaga na semifinal do Mundial de tiro com arco.

Mundial de tiro com arco bronze
Ana Machado (World Archery/Divulgação)

+ SIGA O OTD NO YOUTUBETWITTERINSTAGRAMTIK TOK E FACEBOOK

As adversárias da briga pela decisão do ouro foram as mexicanas Ana Vazquez, Alejandra Valencia e Aida Roman. Numa partida de três sets disputados, o México levou a melhor por 6 a 0, parciais de 53-51, 57-49 e 55-51, fazendo com que o time brasileiro caísse para a disputa da medalha de bronze do Mundial. O título ficou com a Coreia do Sul, que já havia levado o ouro nos Jogos Olímpicos de Tóquio. Desta vez, elas venceram o México por 5 a 3.

Reveja as disputas do dia

APOIE O OLIMPÍADA TODO DIA

Desde setembro de 2016, o Olimpíada Todo Dia não deixa você ter saudade dos Jogos nunca. É o único veículo de comunicação que todos os dias traz a trajetória dos atletas olímpicos e paralímpicos, combatendo a monocultura do futebol e na busca de ajudar a mudar a cultura esportiva do Brasil. Gosta do nosso trabalho? Nos apoie! Faça um pix para [email protected]

Outra alternativa para nos apoiar é usando o cupom OTD em compras na Centauro. Com o cupom, você ganha 10% de desconto na compra de equipamentos esportivos e parte do valor será revertido para o Olimpíada Todo Dia. Vale lembrar que os descontos não são cumulativos. Se alguma peça já estiver em oferta, você não conseguirá aumentar o desconto, mas se colocar o cupom OTD, parte do valor vai ajudar o portal do mesmo jeito. Você pode comprar também pela vitrine do OTD no site das Centauro.

Mais em Tiro com Arco