Siga o OTD

Thiago Monteiro - Marcelo Demoliner - Roland Garros

Tênis

Thiago Monteiro e Marcelo Demoliner são eliminados em Roland Garros

Thiago Monteiro foi derrotado no quinto set, depois de uma batalha de quase 4h. Demoliner levou a virada na estreia

(Instagram/thiagomonteiro94)

Thiago Monteiro e Marcelo Demoliner são eliminados em Roland Garros

O dia não foi de bons resultados para o Brasil em Roland Garros. Nesta quarta-feira (2), Thiago Monteiro foi superado depois de uma verdadeira batalha de quase 4h na segunda rodada do Grand Slam francês, enquanto Marcelo Demoliner foi eliminado ainda na estreia da chave de duplas.

Depois de passar pela primeira rodada, Thiago Monteiro voltou à quadra para encarar o estadunidense Steve Johnson. E o duelo foi disputado até o final do quinto set, com muitas quebras, durando 3h52. O brasileiro saiu atrás, se recuperou, mas acabou não aguentando o ritmo no último set, sendo superado por 3 a 2, com parciais de 6/3, 6/7 (2-7), 7/6 (7-2), 3/6 e 6/3.

Com o resultado, o Brasil fica sem representantes na chave masculina de simples em Roland Garros. Além disso, o cearense perde a chance de igualar o melhor resultado da carreira em Grand Slam, que foi a terceira rodada no saibro francês do ano passado.

+Trio se classifica para os Jogos Paralímpicos de Tóquio

O mesmo aconteceu com Marcelo Demoliner. Na estreia em Roland Garros, o brasileiro e o mexicano Santiago Gonzales foram superados pelo paquistanês Aisam-Ul-Haq Qureshi e o austríaco Olivier Marach de virada, com parciais de 3/6, 7/5 e 6/2, após 2h03 de partida.

Assim, os algozes de Marcelo Demoliner terão pela frente outro brasileiro. Na segunda rodada, vão encarar Bruno Soares e Jamie Murray, única dupla do Brasil que segue viva em Roland Garros. Marcelo Melo também foi eliminado na estreia e Luisa Stefani passou por uma cirurgia de apêndice e não disputa o Grand Slam francês.

Bia Haddad e Felipe Meligeni avançam

Nesta quarta-feira, Bia Haddad estreou com vitória na chave principal do ITF W25 de Otocec, na Eslovênia. Após passar o qualifying, ela encarou a jovem anfitriã Pia Lovric, número 667 do mundo, em sua partida de primeira rodada, vencendo em 6/4 e 6/2.

Assim, garantida nas oitavas, Bia Haddad enfrentará a eslovaca Rebecca Sramkova, cabeça de chave 5 e 193ª do ranking da WTA. As tenistas já se enfrentaram em três ocasiões no circuito, com a brasileira vencendo em todas as oportunidades.

+ SIGA O OTD NO YOUTUBE, NO INSTAGRAM, NO FACEBOOK E NO TIKTOK

“Foram três jogos duros aqui na Eslovênia e amanhã terei mais uma pedreira. Ela perdeu na última rodada no qualifying de Roland Garros, é uma tenista que poderia estar disputando um Grand Slam agora. Mas estou feliz, acho que independentemente de ser quali de RG ou quali de um W25 os torneios estão duros e a motivação e o trabalho têm que ser 100% sempre. São poucas as oportunidades que temos e todo jogo é uma pedreira”, finalizou Bia Haddad.

Já no Challenger de Biella, na Itália, Felipe Meligeni superou ex-top 30, Martin Klizan, da Eslovênia, com as parciais de 6/2 e 6/4, e avançou para as quartas de final. Agora, ele o argentino Renzo Olivo, que eliminou João Menezes. Nas duplas, entretanto, Rafael Matos sentiu a lombar e precisou desistir do torneio, que jogaria ao lado de Meligeni.

Mais em Tênis