Siga o OTD

Paralimpíada Todo Dia

ADVP bate atuais campeões na estreia do Reg Centro-Norte

Miguel Angel marcou o gol da vitória diante dos atuais campeões na primeira rodada do Regional Centro-Norte de futebol de cegos

Goleiro Henrique, da ADVP, salta para o seu canto direito e faz a ponte em finalização de Jeferson, da Adef, que aparece de costas no instante da imagem. Foto: Renan Cacioli/ CBDV
Goleiro Henrique, da ADVP, salta para o seu canto direito e faz a ponte em finalização de Jeferson, da Adef, que aparece de costas no instante da imagem. Foto: Renan Cacioli/ CBDV

O Regional Centro-Norte de Futebol de Cegos 2024 começou nesta terça-feira (14), em Brasília (DF). O primeiro dia contou com quatro jogos e uma surpresa: os paraenses da ADVP (Associação dos Deficientes Visuais de Parauapebas) bateram a Adef (Associação Desportiva de Futsal do Distrito Federal), que defende em casa o título. O gol da vitória por 1 a 0, saiu dos pés de Miguel Angel. 

+ SIGA O OTD NO YOUTUBETWITTERINSTAGRAMTIK TOK E FACEBOOK

Para a vitória, a equipe de Parauapebas contou com defesas importantes do goleiro Henrique Soares, que parou algumas finalizações do argentino Daniel Iturria. Além dele, quem também brilhou na primeira rodada foi o ala Maxwell, autor de dois dos três gols da AMC-MT (Associação Mato-Grossense de Cegos) sobre a Udevima-AM (União dos Deficientes Visuais de Manaus) por 3 a 0. Mauro Germano, de pênalti, abriu o placar.

Na última partida do dia, o chileno Victor Silva, atleta da Seleção de seu país, fez os dois gols na vitória da Uniace-DF (União dos Atletas Cegos do Distrito Federal) diante da Acelgo-GO (Associação de Cegos para Esporte e Lazer de Goiás)  por 2 a 0. Na etapa final, ainda esteve perto de anotar um de placa após aplicar uma carretilha no adversário, mas parou na defesa do goleiro Yuri.

O Regional Centro-Norte de Futebol de Cegos vai até sábado (18). O torneio reúne oito equipes dos estados do Amazonas, Distrito Federal, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Pará. Este é o último Regional da modalidade no ano, após a CBDV (Confederação Brasileira de Desportos de Deficientes Visuais). Ademais, també é classificatório ao Campeonato Brasileiro Série B, em setembro.

*Com informações da Confederação Brasileira de Desportos de Deficientes Visuais (CBDV)

Jornalista recifense formado na Faculdade Boa Viagem, apaixonado por futebol, atletismo, basquete e outros esportes.

Clique para comentar

Você deve estar logado para postar uma comentário Login

Deixe um Comentário

Mais em Paralimpíada Todo Dia