Siga o OTD

Laguna Olímpico

Chegou a hora de dar um basta aos chiliques dos tenistas

Agressão do alemão Alexander Zverev a um árbitro no ATP 500 de Acapulco é o mais novo (e triste) capítulo no comportamento abusivo dos atletas

melo zverev acapulco
Alexander Zverev, irritado com sua derrota, desconta a frustração agredindo o árbitro (Twitter/kennycastrog)

Assustadora é o mínimo que se pode falar sobre a atitude do tenista alemão Alexander Zverev, que na madrugada desta quarta-feira (23) agrediu o árbitro italiano Alessandro Germani. As cenas dignas do filme “Um Dia de Fúria”, com Michael Douglas, aconteceram após sua eliminação pelo torneio de duplas do ATP 500 de Acapulco (MEX), onde atuou ao lado do brasileiro Marcelo Melo. Eles foram derrotados pelo britânico Lloyd Glasspool e pelo finlandês Harri Heliovaara por 2 sets a 1.

Pelas imagens, após os tenistas se cumprimentarem junto à rede, Zverev se dirige ao árbitro, que ainda estava na cadeira, falou uma ofensa e disparou raquetadas muito próximas às perna de Germani. Em um dos golpes, parte da raquete chega a tocar no sapato do juiz, que apavorado, desceu logo e foi correndo para o vestiário.

Confira:

A organização do torneio, felizmente, não perdeu tempo e eliminou Zverev da competição de simples, da qual também iria participar.

+ Acompanhe o blog no Twitter, Facebook e no Instagram. Siga

Mais do que uma atitude isolada, o chilique de Alexander Zverev, não desta maneira radical obviamente, tem se tornado frequente para os que acompanham o circuito internacional.

Sobram exemplos de mau comportamento de tenistas nos últimos anos contra os juízes. Desde os menos badalados até estrelas, como Novak Djokovic ou Daniil Medvedv, para ficar em dois casos

As reclamações ultrapassam os limites do aceitável em uma competição esportiva e esbarram no assédio moral. Os árbitros olham sem reagir e às vezes aplicam algum punição contra os atletas, mas fica por isso mesmo.

As raquetadas furiosas de Alexander Zverev no árbitro Alessandro Germani são inaceitáveis  e a ATP (Associação dos Tenistas Profissionais) precisa tomar alguma atitude mais drástica contra os chiliquentos das quadras.

OLÍMPICAS

Desistência – Os efeitos da invasão da Rússia em parte do território da Ucrânia já respinga no esporte. A Federação Britânica de Basquete anunciou que não enviará a seleção masculina para enfrentar Belarus, pelas eliminatórias da Copa do Mundo de 2023. A partida estava prevista para ocorrer em Minsk capital de Belarus, nesta sexta-feira (25).

O motivo da desistência são as preocupações em razão da crise entre russos e ucranianos, que se agravou esta semana. Belarus está localizada exatamente entre Rússia e Ucrânia, embora Minsk esteja longe da fronteira dos dois países. A Grã-Bretanha, que deverá receber Belarus no jogo de volta, na próxima segunda-feira (28), ainda aguarda uma posição oficial da Fiba (Federação Internacional de Basquete) sobre este caso. Um WO, com respectiva perda de pontos dos britânicos, não está descartado de acontecer.

APOIE O OLIMPÍADA TODO DIA

Desde setembro de 2016, o Olimpíada Todo Dia não deixa você ter saudade dos Jogos nunca. É o único veículo de comunicação que todos os dias traz a trajetória dos atletas olímpicos e paralímpicos, combatendo a monocultura do futebol e na busca de ajudar a mudar a cultura esportiva do Brasil. Gosta do nosso trabalho? Nos apoie! Faça um pix para [email protected]

Outra alternativa para nos apoiar é usando o cupom OTD em compras na Centauro. Com o cupom, você ganha 10% de desconto na compra de equipamentos esportivos e parte do valor será revertido para o Olimpíada Todo Dia. Vale lembrar que os descontos não são cumulativos. Se alguma peça já estiver em oferta, você não conseguirá aumentar o desconto, mas se colocar o cupom OTD, parte do valor vai ajudar o portal do mesmo jeito. Você pode comprar também pela vitrine do OTD no site das Centauro.

Mais em Laguna Olímpico