Siga o OTD

Brasil conquista o tetra e se garante em Tóquio no vôlei sentado

Parapan 2019

Brasil fatura o tetra e se garante em Tóquio no vôlei sentado

Brasileiros superam os Estados Unidos por 3 sets a 0, mantêm a hegemonia nos Jogos Parapan-Americanos e carimbam o passaporte para Tóquio 2020

Rodolfo Vilela/rededoesporte.gov.br

Brasil fatura o tetra e se garante em Tóquio no vôlei sentado

Na decisão da medalha de ouro do vôlei sentado masculino nos Jogos Parapan-Americanos de Lima mais uma vez. Nesta quarta-feira (28), pela 5° vez seguida, os dois países se enfrentaram na final. Na partida, a equipe brasileira conseguiu se impor, saiu com a vitória por 3 sets a 0 e conquistou o tetracampeonato consecutivo da competição. Com o resultado, os brasileiros se garantiram na Paralimpíada de Tóquio, em 2020.

“Não consigo descrever. Esse meninos gostam de me fazer sofrer porque eles jogam para o gasto a cada partida. Por isso o sofrimento contra a Colômbia, a dificuldade contra o Canadá. Mas chega na final contra os Estados Unidos e fazem isso, um 3 a 0 desse jeito. Os americanos estão com o Brasil entalado na garganta tem muito tempo, eles não nos vencem em finais desde 2003 e se Deus quiser vão ficar muito tempo sem vencer ainda”, comentou o técnico Celio Meliato.

O jogo[tps_header][/tps_header][tps_header][/tps_header]

No primeiro set, os dois times mostraram que queriam jogo. Vibrando muito a cada ponto, brasileiros e americanos tentavam se impor e buscavam abrir vantagem no placar. Na primeira metade dos pontos, o Brasil foi superior.

Mantendo a virada de bola e aproveitando os erros dos Estados Unidos, o lado verde e amarelo chegou na segunda parada técnica vencendo por 16 a 9. Na parte final, bastou que os brasileiros controlassem o duelo e não deixassem os americanos gostarem da partida: placar fechado em 25 a 18.

No segundo set, no entanto, a história mudou. Mais concentrado e errando menos, os Estados Unidos abriram vantagem no começo, com 8 a 2. Na volta da parada técnica, o Brasil cresceu, teve mais volume defensivo e encostou no marcador, com 8 a 6, mas os americanos voltaram a atuar de forma superior e abriram 17 a 12 no placar.

Na segunda metade da parcial, quando parecia que tudo estava definido, a Seleção Brasileira reagiu. Com uma sequência de pontos, a equipe conseguiu a virada para 21 a 18 e comandou a reta final, vencendo o set por 25 a 22.

Embalado pela virada, o Brasil foi dominante no início do terceiro set, abrindo 8 a 4. Na volta da parada técnica, os brasileiros mantiveram o ritmo e só restou para os americanos solicitar o pedido de tempo com o placar em 11 a 5 em favor do rival. Com a vantagem dilatada e sem que nada do que os Estados Unidos tentassem funcionasse, foi só questão de tempo para que a vitoria viesse por 25 a 12, fechando a final em 3 sets a 0 e o quarto ouro seguido fosse confirmado.

Mais em Parapan 2019