Siga o OTD

Parapan 2019

Brasil fecha a participação no tiro esportivo com prata e bronze

Debora Rodrigues é prata e Bruno Kiefer fica com o bronze no fechamento da modalidade nos Jogos Parapan-Americanos

Douglas Magno / EXEMPLUS / CPB

No último dia de competições do Tiro Esportivo nos Jogos Parapan-Americanos de Lima 2019, o Brasil conquistou mais duas medalhas. Nesta terça-feira (27), o destaque brasileiro foi Debora Rodrigues que foi prata na pistola de ar 10m feminina na classe SH1. Já Bruno Kiefer garantiu o bronze na carabina de ar 10m mista da classe SH2.

Na decisão da pistola de ar 10m feminino SH1, Debora Rodrigues, que quebrou o recorde parapan-americano da classificatória com 551 pontos, era a representante do Brasil. Como na decisão da classe participaram somente seis atletas, a fase eliminatória começou no 16ª tiro, não no 12º. Neste momento da disputa Debora era a segunda colocada, com 151.2, atrás somente 0.3 ponto da cubana Yenigladys Suárez.

Na definição das três primeiras colocadas da prova foi quando Debora cresceu. Com um disparo 10.3, a brasileira empatou com a cubana na liderança da prova. Contudo, nos dois tiros seguintes Yenigladys Suárez conseguiu colocar 1.9 ponto de diferença para a atiradora do Brasil.

Restando somente as duas na prova, a cubana colocou mais um ponto de vantagem, encaminhando a conquista da medalha de ouro. No último disparo, Debora Rodrigues fez um 10, mas com 8.4 Suárez confirmou o primeiro lugar, deixando a brasileira com a prata.

Bronze de Bruno Kiefer

Na classificatória da Carabina de ar 10m mista da classe SH2, o Brasil conseguiu classificar Bruno Kiefer, que terminou com a segunda colocação com 632 pontos, e Alexandre Galgani, que foi o quarto com 631,1 pontos. Na decisão a americana McKenna Dahl, que fez o novo recorde Parapan-Americano na classificatória, começou melhor que os demais participantes e assumiu a ponta com 52.9 após cinco tiros. Os brasileiros Alexandre Galgani estava, neste momento, na terceira colocação com 52.4 e Bruno Kiefer era o sexto, com 51.9.

Na segunda série de cinco tiros os brasileiros cresceram. Com uma boa sequência, Alexandre subiu uma posição, se tornando o segundo colocado com 104.9 pontos. Já Bruno entrou na briga pelas primeiras colocações com 52.6 pontos somados, chegando a 104.5.

Após os 12 disparos iniciais as eliminações começaram a acontecer na decisão da Carabina de Ar 10m mista SH2 nos Jogos Parapan-Americanos de 2019. Brigando pelas primeiras colocações, Alexandre e Bruno passaram pelas três primeiras rodadas sem sofrer. Restando cinco competidores 0.7 separavam a líder, McKenna Dahl, do terceiro colocado, que era Galgani.

Na hora da quarta eliminação, Alexandre e Kiefer acabaram trocando de posição na classificação. Por conta de um disparo abaixo do que vinha fazendo, Galgani caiu para quarto lugar e Bruno assumiu o terceiro posto. Restando apenas quatro atletas na disputa, os dois representantes do Brasil acirraram ainda mais a briga pelo bronze, mas Kiefer se manteve na frente por 0.4, deixando o compatriota sem medalha na prova.

Com os três medalhistas de Lima 2019 definidos faltava descobrir qual seria a ordem entre eles. Neste momento, Bruno Kiefer e os americanos McKenna Dahl e Stetson Bardfield subiram o nível dos disparos. Com nenhum tiro abaixo de 10.4, o brasileiro terminou sua participação nos Jogos Parapan-Americanos com a terceira posição, com uma total de 230.3, apenas 0.2 atrás do segundo lugar. Na decisão do ouro, Bardfield levou a melhor contra Dahl venceu com 252.1 pontos, quebrou o recorde parapan-americano da prova e foi o primeiro colocado.

APOIE O OLIMPÍADA TODO DIA

Desde setembro de 2016, o Olimpíada Todo Dia não deixa você ter saudade dos Jogos nunca. É o único veículo de comunicação que todos os dias traz a trajetória dos atletas olímpicos e paralímpicos, combatendo a monocultura do futebol e na busca de ajudar a mudar a cultura esportiva do Brasil. Gosta do nosso trabalho? Nos apoie! Faça um pix para [email protected]

Outra alternativa para nos apoiar é usando o cupom OTD em compras na Centauro. Com o cupom, você ganha 10% de desconto na compra de equipamentos esportivos e parte do valor será revertido para o Olimpíada Todo Dia. Vale lembrar que os descontos não são cumulativos. Se alguma peça já estiver em oferta, você não conseguirá aumentar o desconto, mas se colocar o cupom OTD, parte do valor vai ajudar o portal do mesmo jeito. Você pode comprar também pela vitrine do OTD no site das Centauro.

Mais em Parapan 2019