Siga o OTD

Pan 2019

Brasil flerta com desastre, mas passa e pega Cuba na semifinal

Seleção de vôlei masculino chegou a jogar set da morte contra os Estados Unidos, mas sobreviveu e continua no caminho do ouro em Lima

Lucas Lóh, do vôlei masculino. nos Jogos Pan-Americanos
Lucas Lóh fez 19 pontos no jogo (Jose Barragan/Lima 2019)

A seleção brasileira de vôlei masculino chegou na beira do precipício, mas não caiu. O time venceu os Estados Unidos por 3 a 2 na última rodada da fase de classificação do torneio e se garantiu na semifinal. Acabou passando em primeiro lugar no Grupo B e vai enfrentar Cuba na briga pela decisão dos Jogos Pan-Americanos. As parciais foram de 23/25, 21/25, 25/17, 25/19 e 15/9.

Se perdesse por 3 a 0 o jovem time comandado por Marcelo Fronckowiak seria eliminado e passariam EUA em primeiro e Chile em segundo. Os norte-americanos chegaram a abrir 2 a 0.

A partida contra Cuba, que passou em segundo no Grupo B, será no sábado (3) às 20h30 com acompanhamento ao vivo do Olimpíada Todo Dia. Argentina e jogam a outra semifinal logo depois, às 22h30.

No fio da navalha

A seleção começou o jogo melhor e abriu 8 a 5 no primeiro set e depois 11 a 6, mas começou a oscilar. Tomou sete pontos seguidos e viu os norte-americanos assumirem a ponta no placar. Muito mais consistentes e vibrantes, eles foram virando bolas até abrir 1 a 0 com 25 a 23 no placar.

O segundo set foi muito parecido. Os Estados Unidos com mais volume e o Brasil oscilando e apático. Eles assumiram a ponta na metade da parcial, abriram 19 a 16 e não deixaram escapar. O técnico Marcelo Fronckowiak pediu tempos, orientou com calma, perdeu a paciência, trocou o time, mas sem resposta e os Estados Unidos abriram 2 a 0 com 25 a 21.

O Brasil entrou no terceiro set com a faca no pescoço. Se perdesse estava eliminado dos Jogos Pan-Americanos ainda na fase de grupos. O time respondeu e começou já abrindo vantagem no 5 a 2. Desta vez o time não oscilou. Pelo contrário. Passou a abrir cada vez mais até chegar no 25 a 17 e respirar aliviado.

Mas ainda faltava um set. Caso perdesse por 3 a 1 teria de fazer contas na relação de pontos para ver se dava para ficar à frente do Chile. Os Estados Unidos passariam em primeiro. O Brasil preferiu deixar a calculadora de lado, se impôs desde o começo e fez 25 a 19.

A vitória no quarto set valeu não apenas a vaga como também o primeiro lugar na chave do vôlei masculino. O tie-break, então, passou a ser relevante apenas para os Estados Unidos, já que precisaram vencer para usar aquela mesma calculadora para ver se daria para passar. Acabaram eliminados do torneio de vôlei masculino dos Jogos Pan-Americanos

APOIE O OLIMPÍADA TODO DIA

Desde setembro de 2016, o Olimpíada Todo Dia não deixa você ter saudade dos Jogos nunca. É o único veículo de comunicação que todos os dias traz a trajetória dos atletas olímpicos e paralímpicos, combatendo a monocultura do futebol e na busca de ajudar a mudar a cultura esportiva do Brasil. Gosta do nosso trabalho? Nos apoie! Faça um pix para [email protected]

Outra alternativa para nos apoiar é usando o cupom OTD em compras na Centauro. Com o cupom, você ganha 10% de desconto na compra de equipamentos esportivos e parte do valor será revertido para o Olimpíada Todo Dia. Vale lembrar que os descontos não são cumulativos. Se alguma peça já estiver em oferta, você não conseguirá aumentar o desconto, mas se colocar o cupom OTD, parte do valor vai ajudar o portal do mesmo jeito. Você pode comprar também pela vitrine do OTD no site das Centauro.

Mais em Pan 2019