Siga o OTD

neven ilic 2 arthur nory panam sports

Ginástica Artística

Panam Sports vai repor as medalhas de Lima-2019 roubadas de Arthur Nory

Presidente da Panam Sports, Neven Ilic, promete repor as medalhas dos Jogos Pan-Americanos Lima-2019 que foram roubadas de Arthur Nory

Panam Sports vai repor as medalhas de Lima-2019 roubadas de Arthur Nory

Depois de ter tido mais de 15 medalhas roubadas de sua casa, que foi invadida por assaltantes armados, Arthur Nory, do Time Ajinomoto, pode comemorar pelo menos a recuperação das três medalhas, uma de ouro e duas de prata, que conquistou nos Jogos Pan-Americanos Lima-2019. O presidente da Panam Sports, Neven Ilic, anunciou que a entidade vai repor os símbolos das conquistas obtidas pelo ginasta brasileiro na capital peruana.

“Estou muito feliz, surpreso e emocionado por essa notícia! As medalhas, principalmente desses Jogos Pan-Americanos, tinham um carinho muito especial porque foi uma luta para estar presente em Lima. Eu era um dos atletas cortados, estava com problema no joelho e treinei muito porque eu sabia que precisava fazer seis aparelhos para competir no individual geral. Toda a equipe multidisciplinar acreditou naquele um por cento de chances que eu tinha e conseguimos. Recebi esse carinho (da Panam Sports) e, se Deus quiser, essas medalhas vão chegar inteiras aqui. Pode ser um símbolo, mas é muito significativo para todo atleta! Tenho que agradecer muito a Panam Sports! Muito obrigado de verdade”, agradeceu Arthur Nory

“Arthur Nory é um atleta extraordinário, que tem dado muitas alegrias ao Brasil e ao nosso continente. Campeão mundial, medalhista de bronze no Rio 2016, e teve uma atuação de destaque nos Jogos de Lima-2019. Sabemos que ele está muito triste com o roubo, por isso vamos apoiá-lo e mandar para ele as medalhas que ganhou no Peru o mais rápido possível ”, prometeu o presidente da Panam Sports, Neven Ilic.

“Queremos que ele não perca o foco em seu trabalho para alcançar seu grande objetivo de chegar a Tóquio e que possa viver uma Olimpíada excepcional. Embora sejam um patrimônio material, sabemos todo o esforço por trás e o que as medalhas representam para o atletta. Mas nada vai atrapalhar todas as conquistas alcançadas e todas as que esperamos alcançar no futuro ”, concluiu o presidente da Panam Sports.

+ SIGA O OTD NO YOUTUBE, NO INSTAGRAM E NO FACEBOOK

Entre as medalhas roubadas de Arthur Nory, as principais eram as dos Jogos Pan-Americanos de Lima 2019, que serão repostas, além da prata do Pan de Toronto 2015, todas as medalhas de Copa do Mundo da ginástica (Bulgaria, Glasgow, Doha), além das conquistas do Campeonato Brasileiro (seis dos títulos do Pinheiros) e Jogos Militares.

A medalha de ouro do Campeonato Mundial de 2019 conquistada na barra fixa e o bronze nos Jogos Olímpicos de 2016 no solo foram as únicas que sobraram, pois estavam guardadas em outro lugar.

Mais em Ginástica Artística