Siga o OTD

Curiosidades olímpicas

Maior medalhista do CCE lutou nas duas guerras mundiais

Charles Pahud de Mortanges participou das duas guerras mundiais e, entre elas, se tornou o maior vencedor da história do hipismo CCE nos Jogos Olímpicos

Charles Pahud de Mortanges CCE

O holandês Charles Pahud de Mortanges fez carreira militar em seu país e participou das duas guerras mundiais. No período entre elas, disputou quatro edições de Jogos Olímpicos e se tornou o maior medalhista da história do Concurso Completo de Equitação (CCE), competição que reúne três modalidades do hipismo: adestramento, saltos e cross country. Ao todo, ele subiu cinco vezes ao pódio, colocando no peito quatro ouros e uma prata.

O cavaleiro foi bicampeão olímpico por equipes com a Holanda em Paris-1924 e Amsterdã-1928 e ganhou duas vezes seguidas o ouro individual na Olimpíada realizada em seu país e depois em Los Angeles-1932. Nos Jogos em território dos Estados Unidos, ficou com a prata por equipes. A única participação de Charles Pahud de Mortanges que terminou sem medalhas foi em Berlim-1936.

Charles Pahud de Mortanges aprendeu o esporte na na Real Academia Militar da Holanda, onde se tornou cavaleiro e depois frequentou um curso de instrutores na Escola de Equitação Militar em Amersfoort, de onde saiu para ingressar no exército para combater na Primeira Guerra Mundial.

+ SIGA O OTD NO YOUTUBE, NO INSTAGRAM E NO FACEBOOK

Na Segunda Guerra Mundial, Charles Pahud de Mortanges foi feito prisioneiro pelo exército alemão e foi enviado para a Polônia. O multimedalhista olímpico do CCE conseguiu escapar e se juntou às Forças Holandesas Livres na Inglaterra.

Como segundo comandentante da Brigada Pricesa Irene, participou dos desembarques da Normandia, que ocorreram na terça-feira, 6 de Junho de 1944, também conhecido como o Dia D.  A operação, que foi a maior invasão por mar da história, deu início à libertação dos territórios ocupados pelos nazistas no noroeste da Europa e foi a base da vitória dos Aliados.

Charles Pahud de Mortanges tornou-se Chefe da Casa Militar da Rainha Juliana, aposentando-se em 1962 como Chefe de Cerimônias da Corte Holandesa como Tenente-General. 

+ CONHEÇA O BLOG CURIOSIDADES OLÍMPICAS

Na administração esportiva, Charles Pahud de Mortanges foi presidente do Comitê Olímpico Holandês de 1946 a 1951 e de 1959 a 1961. Ele foi nomeado membro do COI em setembro de 1946 e ficou na entidade por 18 anos, quando se tornou membro honorário. O maior medalhista do CCE faleu em 1971 aos 75 anos.

Mais em Curiosidades olímpicas