Siga o OTD

Paralimpíada Todo Dia

Brasil fica fora do pódio no primeiro dia do Mundial sênior

Melhor resultado do Brasil na estreia foi o 7º lugar de Lara Lima, que foi medalha de ouro na categoria júnior do Mundial

Brasil fica fora do pódio no 1º dia do Mundial de halterofilismo paralímpico
Rogerio Capela/CPB

Depois das três medalhas na categoria júnior no último sábado (27), foi dada a largada no Mundial sênior de halterofilismo paralímpico em Tbilisi, na Geórgia, neste domingo (28). O Brasil contou com Lucas Galvão, Lara Lima e Maria Rizonaide da Silva neste primeiro dia de competições, mas nenhum deles conseguiu subir ao pódio.

O melhor resultado foi o de Lara Lima na categoria até 41kg. A jovem brasileira, que foi medalha de ouro no dia anterior na categoria júnior, ficou na sétima colocação, com 86kg, 1kg a menos do que havia levantado para garantir o lugar mais alto do pódio júnior.

+ SIGA O OTD NO YOUTUBETWITTERINSTAGRAMFACEBOOK E TIKTOK

Já Maria Rizoinaide da Silva, na categoria até 45kg, não conseguiu concluir nenhuma de suas três tentativas. Ela começou com 82kg e depois subiu para 83kg nas duas últimas rodadas, sem sucesso. Por fim, na categoria até 49lg masculino, Lucas Galvão terminou na 12ª posição, com 130kg, levantados na sua primeira tentativa.

O Mundial de halterofilismo paralímpico vai até o próximo domingo, dia 5 de dezembro. A seleção brasileira é composta por 17 atletas na categoria Sênior, e todos os sete que representaram o Brasil em Tóquio também estão em Tbilisi. O principal destaque é Mariana D’Andrea, que foi medalha de ouro na Paralimpíada e compete na próxima terça-feira (30).

Mais em Paralimpíada Todo Dia

viagra