Siga o OTD

Marta Brasil e Argentina

Futebol

Marta faz golaço de falta e se torna a 7ª maior artilheira da história

Rainha bate falta com perfeição na vitória por 4 a 1 diante da Argentina e se torna a 7ª maior artilheira da história

@lucasfigfoto / CBF

Marta faz golaço de falta e se torna a 7ª maior artilheira da história

A melhor de todos os tempos escreveu mais uma página na história do futebol nessa segunda-feira (20), no Estádio Almeidão, em João Pessoa. No clássico sul-americano entre Brasil e Argentina, Marta marcou o 2º gol da vitória por 4 a 1 e se tornou a 7ª maior artilheira da história do futebol feminino.

De acordo com a Confederação Brasileira de Futebol (CBF), a Rainha chegou ao seu 117º gol. Dessa forma, ultrapassou a escocesa Julie Fleeting e agora só fica atrás da alemã Birgit Prinz (128), das americanas Kristine Lilly (130), Carly Lloyd (132), Mia Hamm (158) e Abby Wambach (184), e da maior artilheira do futebol feminino, a canadense Christine Sinclair (187).

O feito de Marta foi observado pelo Rei. Em recuperação no hospital após a retirada de um câncer, Pelé foi registrado pela filha Kely Nascimento assistindo a vitória de 4 a 1 sobre a Argentina.

“Pra gente é motivo de alegria saber que o Pelé está se recuperando. É também uma honra saber que ele está nos assistindo,” avaliou Marta após a partida.

+ SIGA O OTD NO YOUTUBETWITTERINSTAGRAMTIK TOK E FACEBOOK

Após de um vitória por 3 a 1 no primeiro duelo, o Brasil somou 7 a 2 no placar agregado. Além de Marta, Debinha e Yasmin marcaram para a seleção. A última, inclusive, estreou bem com a camisa amarela, saindo de campo com o gol e uma assistência.

O jogo

Assim como foi na outra partida, o jogo começou muito truncado, com o Brasil tentando furar o bloqueio da Argentina. Com passes curtos e rápidos, a seleção chegou a primeira boa oportunidade aos 18 minutos com Marta. A Rainha enfiou uma bomba e a goleira espalmou para escanteio. Na sequência, Oliveiros falhou e não cortou o cruzamento e Kerolin concluiu livre na segunda trave.

Aos 37, um golaço da melhor da história do futebol. Marta cavou uma boa falta na meia-lua e ela mesmo bateu. Com maestria, a Rainha bateu de esquerda com maestria. A bola bateu no travessão e morreu no fundo da rede. Foi o 117º gol da jogadora com a camisa da seleção brasileira feminina.

O segundo tempo começou com tudo. Em seis minutos, ocorreram três gols. Debinha fez 3 a 0 para o Brasil após cruzamento de Yasmim, que acabara de entrar. Logo depois, a Argentina fez com Larroquette após falha feia da zagueira Lauren em frente ao gol. Um minuto depois, Marta roubou bola e colocou Yasmim licre para fazer o 4º gol da seleção.

A correria dos minutos inicias terminou e o jogo ficou bem morno. O Brasil passou a administrar o resultado e saiu com 4 a 1 no placar final

No primeiro encontro, a narrativa da partida foi marcada por estreias. Em campo, quatro atletas fizeram o “debut” em partidas pela Seleção Feminina Principal: as laterais Bruninha e Katrine, além das meias Thaís e Ary Borges. O duelo também marcou o primeiro gol de duas jogadoras com a equipe adulta. Companheiras de Seleção Sub-20, Nycole e Angelina anotaram e contribuíram para a vitória verde-amarela, que ainda contou com o tento de Debinha, a artilheira da Era Pia com 15 gols.

Marta - Brasil e Argentina - amistoso - seleção brasileira de futebol feminino
AO VIVO: BRASIL x ARGENTINA – futebol feminino – amistoso (Talita Gouvêa/CBF)

Mais em Futebol